BAIXE GRÁTIS NOSSO KIT DE PLANEJAMENTO DE VIAGEM! CLIQUE AQUI!

Visto de estudante para a Índia: Como solicitar?

Olá pessoal, no artigo de hoje vamos trazer informações sobre o visto de estudante para a Índia para ajudar quem está planejando fazer um intercâmbio cultural em um país que vem crescendo muito nos últimos tempos.

Vamos trazer informações sobre quais os principais motivadores para escolher a Índia como país para fazer intercâmbio, as características da cultura indiana e o passo-a-passo para você tirar o visto indiano de estudos.

Por que estudar na Índia?

Estudar na Índia é a garantia de ter qualificação acadêmica e a oportunidade única de enriquecimento pessoal.

Sair do seu país para estudar na Índia é para aqueles que realmente desejam dar uma reviravolta na vida. O que muitos adorariam fazer por sinal, não é mesmo?

Costumes diferentes, cidades barulhentas e governo se adaptando ao mundo moderno, é tudo muito diferente.

A Índia é um país milenar e é o segundo país mais populoso do mundo (atrás somente da China) e um dos maiores em extensão territorial. Ele fica localizado na Ásia Meridional tendo como países vizinhos Paquistão, Nepal, Bangladesh, Butão e China.

É a terra de Mahatma Gandhi, de Dalai Lama, do Taj Mahal, do Rio Ganges, dos passeios em elefantes, dos belíssimos tecidos que compõem as vestimentas da sociedade, das pedras preciosas, do chai (chá).

Também é o país dos inúmeros templos e monumentos históricos e da loucura de ruas barulhentas e de trânsito caótico que proporcionam para o imigrante uma infinidade de experiências pela diversidade cultural ali presente.

O Taj Mahal é o símbolo mais famoso da Índia
O Taj Mahal é o símbolo mais famoso da Índia

QUAL O MELHOR SEGURO DE VIAGEM PARA VOCÊ?










Quais tipos de visto existem na Índia?

Para entrar no país, existem, ao todo, 17 tipos de visto, cada um com uma finalidade diferente. Nós vamos abordar somente os vistos de estudante para a Índia.

O visto de estudante para a Índia só é concedido para o aluno que estudar nas instituições reconhecidas pelo governo indiano, seja um curso de idiomas ou ensino superior.

Nesse caso, estamos falando do visto student que possui validade de 5 anos ou pelo período do curso, sendo a admissão na instituição de ensino obrigatória antes de retirá-lo.

Você pode tirar visto para estudante na Índia através do site e-Visa Índia e selecionar e-student visa, preenchendo os dados solicitados. Ao confirmar todas as informações, ao final, você deverá pagar a taxa devida ao visto.

O visto indiano também pode ser estendido no Escritório Regional de Registro de Estrangeiros (FRRO) na região que o aluno estiver residindo.

Se o aluno não tiver a carta de admissão da universidade pelo fato de ainda estar passando pelos processos de admissão, um visto temporário poderá ser emitido.

Foto da plantação de chás na Índia
Foto da plantação de chás na Índia
Cupom desconto viagem

7 passos para solicitar visto de estudante para a Índia

Para que você possa solicitar visto de estudante para a Índia é necessário que você siga os seguintes passos:

  1. Escolher uma escola ou universidade e seu curso
  2. Solicitar a aprovação para realizar o curso
  3. Preparar a documentação
  4. Agendar ida ao consulado
  5. Ida ao consulado
  6. Retirar o visto com o deferimento
  7. Reservar a viagem

1. Escolher um curso ou universidade

O primeiro passo para solicitar o visto de estudante para a Índia é saber onde você quer estudar.

A escolha da universidade é fundamental para obter a aprovação e também direcionar toda a documentação necessária.

A maioria das universidades indianas contam com alojamentos para estudantes, com um preço bem acessível, que varia conforme a região escolhida para morar.

Essas acomodações podem ser reservadas ainda estando no país de origem.

Conheça abaixo algumas das instituições públicas da Índia:

Se o foco não é o ensino superior, existem as opções dos cursos de idiomas na Índia (como o inglês e o hindi) e os considerados cursos exclusivos, que proporcionam aprendizado em áreas e serviços tradicionais na Índia, como Ayurveda, Sankrit, Yoga, entre outros.

2. Solicitar a aprovação para realizar o curso

Após a escolha da escola ou universidade, o próximo passo é entrar no site de cada uma delas, pesquisar os cursos que elas oferecem, identificar os cursos pretendidos por você e então entrar em contato com a universidade.

Caso o estudante seja aprovado, será enviada uma carta convite, uma declaração que deverá ser apresentada no consulado para solicitar o visto de estudante.

 “O ideal é que você faça todo esse processo com antecedência, sendo o recomendado de 3 a 4 meses antes de iniciar o programa de estudos escolhido daquela universidade.”

3. Preparar a documentação

Após a escolha do curso, da universidade e a aceitação da faculdade para fazer o curso com eles, seja através de bolsa ou pagando pelos estudos, o próximo passo é saber quais são os documentos obrigatórios para tirar o visto de estudante.

A seguinte documentação deve ser apresentada na versão original, com cópias autenticadas em inglês e com tradução juramentada.

  • Passaporte com validade mínima de seis meses;
  • 2 fotos no formato de passaporte;
  • Formulários e taxas pagas exigidos pelo consulado;
  • Carta de admissão emitida pela instituição de ensino, assim como o comprovante de matrícula – documentos reconhecidos pelo governo do país;
  • Comprovantes financeiros suficientes para a estadia no país – holerite, extrato bancário, informe de imposto de renda etc. Caso seja menor de idade, os documentos do pais devem ser apresentados juntamente com uma autorização de representação;
  • Certificados educacionais e profissionais reconhecidos e validados entre os países;
  • Certificado Internacional de Vacinação contra a Febre Amarela emitido pela Anvisa em um posto de Vigilância Sanitário credenciado;
  • Passagens áreas de ida e volta – ou reserva área/ bilhete eletrônico;
  • Seguro saúde e seguro viagem do imigrante;
  • Atestado de Antecedentes Criminais.
As tatuagem de henna são tradição na Índia e podem ser vistas durante o visto de estudante na Índia
As tatuagem de henna são tradição na Índia e podem ser vistas durante o visto de estudante na Índia

COMPARADOR DE SEGURO DE VIAGEM

4. Agendar ida ao consulado

Após toda a documentação ok, os interessados precisam comparecer ao consulado da Índia no Brasil e passar por todo o trâmite burocrático da apresentação da documentação, assim como colheita da biometria.

Em alguns casos, quando a visita durar mais de um ano, o consulado pode pedir uma entrevista pessoal.

É possível antecipar o envio da documentação antes da colheita da biometria enviando os documentos pelo correio.

No site do Ministério das Relações Exteriores você encontra a lista com os principais endereços, incluindo a Embaixada da Índia no Brasil e os consulados da Índia no Brasil, conforme relação a seguir:

Embaixada da Índia em Brasília

Consulado-Geral da Índia em São Paulo

Consulado Honorário da Índia em Minas Gerais

Consulado Honorário da Índia no Rio de Janeiro

A lista acima pode sofrer modificações conforme mudanças do governo indiano. Por isso, o mais recomendado é você entrar no site de cada um dos consulados e verificar se a sua cidade faz parte daquele centro.

5. Ida ao consulado

Será necessário comparecer ao menos uma vez ao consulado e fazer colheita da biometria ou participar de entrevista que pode acontecer durante o processo de deferimento do visto de estudante Índia ou então somente ao término do processo no dia da retirada dos documentos.

6. Retirar o visto com o deferimento

Se tudo der certo você vai receber o visto para a Índia com toda a documentação. O processo todo pode levar o período de 1 a 3 dias úteis.

Em caso de emergência, o consulado indiano também pode emitir o visto de emergência dentro do mesmo dia, porém pode ser cobrada taxa de emergência nesse caso.

7. Reservar a viagem

A partir desse momento é que você pode começar a se preocupar com a compra das passagens aéreas a partir de sites como da MaxMilhas, na reserva de estadias para os primeiros dias em sites como do Booking e na compra do chip de viagem para se manter conectado durante todo o período em sites como da América Chip.

>> Leia também: Como é o réveillon na Índia?

Como tirar o visto de estudante para a Índia?
Como tirar o visto de estudante para a Índia?
Grupo de desconto de viagem

Perguntas e resposta sobre o visto de estudante para a Índia

Existem bolsas de estudo para estudantes na Índia?

Diversas instituições, não só o governo, mas também universidades, dispõem de programas de bolsas de estudos para estrangeiros.

Conheça algumas das instituições que oferecem bolsa na Índia:

  • ITEC – Indian Technical And Economic Cooperation Division: programa do governo para atrair o estudante estrangeiro nas áreas de informática, administração e relações internacionais, com benefícios que vão da passagem aérea ao custeio da acomodação e renda auxílio para se manter no país. As inscrições são feitas na Embaixada da Índia no Brasil.
  • Fundação Internacional Singapura: disponibiliza o programa Arts for Good para artistas ou profissionais da área da cultura e do terceiro setor, tanto na Índia quanto em Singapura;
  • Anant University: A Anant University promove o programa Anant University Fellowship, com bolsas de pós-graduação nas áreas de design, arquitetura, urbanismo, engenharia civil e ciências ambientais. Existem as opções de bolsas com 80% de custeio e as integrais, que auxiliam o aluno com as despesas de alimentação e moradia;
  • Programa AYUSH: promovido pelo governo indiano para os alunos estrangeiros, com oferta de cursos de graduação e pós-graduação nas áreas de saúde e medicina tradicional indiana.

Como é o sistema de Ensino Superior da Índia?

A Índia abriga um dos sistemas de ensino superior mais complexos do mundo.

Mais de 800 universidades da Índia, entre públicas e privadas, criam uma rede de instituições com nível diferente quando se fala em qualidade.

A organização do sistema, políticas incoerentes e processos burocráticos dificultam o movimento estudantil.

Mas em linhas gerais, o sistema educacional indiano segue a linha dos outros países, indo pela ordem da educação primária, ensino médio e superior.

Dependendo do curso pretendido na universidade, o aluno pode levar de três a cinco anos para concluí-lo.

As áreas de engenharia, tecnologia, pesquisa, ciências médicas e farmácia são as de destaque no ensino superior no país.

Qual a qualidade do ensino na Índia?

Em 2016, a Índia esteve presente no ranking QS Higher Education Strenght pelo desempenho das universidades Indian Institutes of Technology, na cidade de Bangalore, e a Banaras Hindu University, em Varanasi.

Entretanto, o pais ainda está longe de ser considerado de qualidade e reconhecido mundialmente. Existe um longo caminho a ser percorrido quando se fala em Ensino Superior Internacional.

Mas o governo indiano vem se preocupando com isso, adotando medidas para que o ensino no país progrida e atinja os rankings globais.

Para o governo indiano já é sabido que é necessário se unir ao sistema de ensino do século XXI, assim como é fundamental se destacarem na economia global.

A preocupação é tanta que uma das medidas foi a implementação do projeto “Instituições de Eminência”, (IoE), como objetivo construir dez universidades públicas (que receberão incentivos governamentais) e dez privadas globalmente competitivas.

Já foi possível observar alguns resultados: três instituições públicas tiveram grande destaque: é o caso do Instituto Indiano de Ciência de Bangalore, o Instituto Indiano de Tecnologia de Bombaim e o Instituto Indiano de Tecnologia de Deli.

No âmbito privado destacam-se o Instituto Birla de Tecnologia e Ciência (BITS), em Pilani, a Academia Manipal de Ensino Superior e o Instituto Jio.

O Festival Holi é um dos mais famosos da Índia
O Festival Holi é um dos mais famosos da Índia
Dicas para a bagagem

Qual o custo de vida na Índia?

O custo de vida da Índia é considerado baixo comparado com outros países. Além disso, o imigrante tem a opção de trabalhar em tempo parcial para ajudar nas despesas da viagem.

Por ser um país industrializado, muitas oportunidades de empregos podem ser ofertadas no âmbito dos negócios: comércio exterior, relações internacionais, vendas, entre outros.

Os universitários podem pegar carona nessa maré se especializando em áreas estratégicas e ingressando, por exemplo, nas multinacionais e, até mesmo, em inovação como as startups, muitas delas localizadas em Bangalore, considerado o Vale do Silício da Índia.

Empresas gigantes como a General Motors, Ford, Suzuki, Hyundai, Coca-Cola, Daimler Chrysler, LG, Samsung, Sony, Amway, Tupperware, Pepsico, McDonald’s, IBM, Oracle, Microsoft, Aviva, Nortel, Nokia, entre outras, já estão presentes por lá.

O visto de estudante para a Índia pode ser concedido quem não desejam estudar?

Não pode, contudo, o visto de estudante só é concedido para o aluno que estudar nas instituições reconhecidas pelo governo, seja um curso de idiomas ou ensino superior.

Por isso, é fundamental verificar antes essa certificação. Caso queira apenas fazer turismo na Índia ou trabalhar na Índia, é necessário solicitar vistos específicos.

É obrigatório seguro viagem para estudantes brasileiros na Índia?

Sim! É necessário obter o seguro viagem para quem estar se deslocando do Brasil para estudar na Índia.

Existem diferentes sites que realizam esse tipo de seguro, porém, indicamos o Seguros Promo, que são parceiros do nosso blog e que realizam uma ótima prestação de serviços.

A parceria está explicada nesse post, você pode acessá-lo a qualquer momento para entender mais sobre o assunto.

>> Fazer cotação gratuita de preço de seguro de viagem

Não é incomum ver elefantes circulando pela Índia
Não é incomum ver elefantes circulando pela Índia

Vantagens de estudar na Índia

Para começar, estudar na Índia é cinco vezes mais barato que estudar nos Estados Unidos ou estudar no Reino Unido, por exemplo.

Além disso, muitas pessoas buscam a oportunidade de vivenciar uma rotina totalmente oposta da que estão acostumados, quebrando, assim, seus paradigmas e transformando-se em novas pessoas.

Este é o país do autoconhecimento, da meditação, do desenvolvimento pessoal. Sua vida nunca mais será a mesma depois de passar por lá. A oportunidade de aprender está presente fora das salas de aula.

Está no convívio com a vizinhança, no comércio, no ambiente de trabalho, na geografia local. Os costumes e princípios são novos para todos os imigrantes.

E qual é o bônus disso tudo? Aprender o inglês, o hindi (falado pela maioria da população) e a busca por um ensino superior internacional.

Desvantagens de estudar na Índia

O país ainda está longe de ser considerado de qualidade e reconhecido mundialmente. Existe um longo caminho a ser percorrido neste sentido. A organização do sistema, políticas incoerentes e processos burocráticos dificultam o movimento estudantil.

Outro ponto a ser considerado é que a Índia é um país ainda subdesenvolvido, o que fica ainda mais perceptível em regiões mais pobres, longe dos holofotes do turismo. A pessoa vai ter de saber conviver com a desigualdade existente no país.

Ainda vale dizer que o país ainda precisa evoluir muito no quesito de educação no trânsito. É um dos países mais confusos nesse sentido e quem vem de fora sofre muito com essa desorganização.

Infelizmente as condições de infraestrutura da Índia são precárias
Infelizmente as condições de infraestrutura da Índia são precárias
Para aproveitar melhor a viagem

Outros artigos sobre visto de estudante

Esse artigo faz parte de uma série de artigos para ajudar os leitores do blog a tirar seus vistos de estudante. Veja outros artigos publicados da série:

Conclusão

Sair do seu país de origem para estudar na Índia é algo para quem realmente deseja o novo para si próprio.

Assim como em outros países, existem prós e contras a respeito de investir no estudo na Índia, mas que vale muito a pena pelo aprendizado.

Para finalizar vale lembrar da importância de um seguro de viagem para a Índia, já que os custos com médicos e hospitais podem sair alto caso você venha a ficar doente ou se acidentar durante a viagem.

Agora queremos ouvir a sua opinião. Você já tinha pensado em fazer um intercâmbio na Índia? O que achou das vantagens do país vizinho para escolha? Deixe abaixo o seu comentário!

Abraço e até o próximo post!

Thiago Cesar Busarello

Thiago Busarello é autor e criador do Vida de Turista, no qual adora viajar e falar do assunto de turismo e viagens, compartilhando dicas e informações de viagens com os leitores.

2 comentários em “Visto de estudante para a Índia: Como solicitar?
  • 24/07/2021 em 15:50
    Permalink

    Gostei da matéria publicada.

    soube que a Índia é muito eficaz na área da informática me interessei e quero saber é possível fazer um curso de dois ou um ano na área de informática?

    Resposta
    • 25/07/2021 em 15:30
      Permalink

      Olá Carlos, sim, muito mesmo. Vide o fato de que o atual presidente da Microsoft é indiano. O nome dele é Satya Nadella e está no cargo desde 2014! Minha formação é no setor de TI e é comum ver projetos de grandes empresas acontecendo com desenvolvedores da Índia. É o caso da Philips Healthcare de Blumenau. Também é comum encontrar indianos que prestam serviços de TI em sites de freelancers. Para recomendar algumas universidades de TI na Índia, podemos indicar: Indian Institute of Technology Bombay, Indian Institute of Technology IIT Madras, Indian Institute of Science Bangalore e Indian Institute of Technology Delhi. Se precisar de ajuda com o visto, podemos indicar uma das nossas agências parceiras para apoiar. Qualquer coisa, me avisa! Abraço!

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat