BAIXE GRÁTIS NOSSO KIT DE PLANEJAMENTO DE VIAGEM! CLIQUE AQUI!

Melhores lugares para surfar no Brasil

Olá pessoal, estamos trazendo neste artigo mais uma atividade outdoor para você viajar e curtir. Você vai conhecer quais são os melhores lugares para surfar no Brasil!

Opções de cidades para a prática é o que não faltam em território brasileiro, portanto prepare a sua prancha e viaje com segurança.

Leia até o fim e saiba quais são as características ideais para realizar essa atividade e o motivo dela atrair diversos turistas pelo mundo. Além disso, saiba os benefícios de praticar esse esporte com uma dica extra no final.

Destacamos os melhores lugares para surfar no Brasil diante de uma infinidade de alternativas, então aproveite e adquira mais conhecimento sobre o esporte e seus cuidados necessários.

Por que praticar o surf?

Os benefícios do surf são sentidos logo de início pelos praticantes. O surfista sente a evolução em seu sistema cardiovascular e descobre uma resistência corporal cada vez maior, melhorando até a postura.

Além de todos os upgrades no corpo, há efeitos psicológicos benéficos na prática do surf por proporcionar o enfrentamento do mar enquanto revigora o organismo. A sua capacidade respiratória aumenta junto à sua saúde mental.

Portanto, ao realizar essa atividade, você beneficia vários pontos da sua vida, como coordenação motora, então aproveite essa vibe positiva e surfe para aumentar a sua qualidade de vida!

Quais os melhores lugares para surfar no Brasil?
Quais os melhores lugares para surfar no Brasil?

QUAL O MELHOR SEGURO DE VIAGEM PARA VOCÊ?










Quais os tipos de surf que existem?

Os tipos de surf são uma discussão entre surfistas novos e mais antigos. Existem algumas variações da modalidade desse esporte que tem evoluído bastante.

Os dois principais são o clássico e o progressivo, mas existem outras variações como vamos ver a seguir:

  • Surf Clássico
  • Surf Progressivo
  • Bodysurf
  • Kayaksurf
  • River Surf
  • Windsurf
  • Bodyboard

Surf Clássico

O surf clássico é o surf de linha, com leques de água e arcos desenhados na modalidade. Os floaters são compridos ao deslizar sob a superfície da água, com cutbacks e os clássicos tubos.

Esse seria um surf clássico porque é um surf praticado há muito tempo, quando não existiam nem os aéreos.

Surf Progressivo

As manobras aéreas são consideradas surf progressivo, o que vemos atualmente, como aéreos full rotation, reverse 720, kickflip, double alley oop etc.

A partir dessas características, há diversas variações do surf que foram surgindo e até classificações de surfistas.

Outras modalidades

Esse esporte está pronto para todos os gostos dentro do bodysurf (outra habilidade do surf) e por aí vai com o kayaksurf, river surf, windsurf e bodyboard, entre outros.

De amadores no esporte a veteranos, o que não falta é diversão na água, seja com as inovações do surf progressivo ou se mantendo no clássico.

O que levar em consideração na hora de escolher um lugar?

Os pontos relevantes para não cometer erros e escolher entre os melhores lugares para surfar no Brasil é ter um guia para não perder tempo e rapidamente ter um destino para praticar o surf.

Saiba a melhor época para a visita, se é possível fazer uma viagem bate-volta, quais são as condições do mar, como chegar ao local, o aeroporto mais próximo se for um lugar mais distante de onde você mora, assim como a cidade mais próxima para hospedagem etc.

Tudo isso evita perrengues e despreparos no meio do caminho, porque você terá a informação que precisa para uma viagem até a praia para surfar, seja um iniciante ou veterano na prática.

O nosso blog te deixa preparado com dicas ótimas para não ter problemas depois! Fique atento e veja qual a cidade ideal para fazer um bate-volta e escapar da correria do dia a dia na melhor época ou para relaxar tranquilamente.

Florianópolis é um dos melhores lugares para surfar no Brasil
Florianópolis é um dos melhores lugares para surfar no Brasil
Cupom desconto viagem

8 dos melhores lugares para surfar no Brasil

Conheça agora os destinos de surf para viajar no Brasil!

Surfar no Rio de Janeiro (RJ)

As melhores praias para surfar no Rio de Janeiro são a Praia do Arpoador, Barra da Tijuca e Ipanema. A queridinha é a Praia do Arpoador, um dos picos do surf no RJ e um super disputado ponto turístico para surfistas também.

É indispensável para o praticante conhecer essa praia, as ondas começam a quebrar perto das rochas e uma forte correnteza cria uma rápida reentrada.

Esse cenário carioca belo entre a pedra do Arpoador e a areia faz com que a área para a prática do surf seja pequena, mas continua sendo um ótimo ponto.

Já a praia da Barra da Tijuca tem toda a extensão para os surfistas e é um bom pico para o surf. Dependendo do dia, as ondas podem ser fortes em alguns pontos, assim como perigosas.

Raramente você ficará sem ondas excelentes por lá, criando uma boa atmosfera para a prática do bodyboard também. Ela é intensamente frequentada e são realizados vários campeonatos de surf nacionais e internacionais.

Aproveite essa praia em um final de semana e veja como ela pode ficar lotada, mesmo com suas ondas fortes. A praia de Ipanema também é queridinha dos surfistas e muito movimentada, além de uma das mais conhecidas da capital. Possui boas ondas e tem cerca de 2,5 km de orla marítima.

Para quem vem de fora do Rio, o aeroporto mais próximo da Zona Sul é o Santos Dumont. Se você prefere se hospedar na Barra da Tijuca, prefira aterrissar no Galeão. Na Zona Sul, a locomoção por transporte público é mais fácil, pois os bairros têm metrô. Além disso, a Zona Sul é o melhor local para se hospedar.

Surfar em Ubatuba (SP)

Chamada de capital paulista do surf, Ubatuba tem diversas praias em destaque. A Praia Grande é um dos melhores lugares para surfar no Brasil, mas as ondas encontradas em Itamambuca, no Félix e na Vermelha do Norte também são ideais para a prática.

Os praticantes de surf se sentem mais atraídos pelas altas ondas do canto esquerdo da Praia Grande no outono e no inverno. Seu acesso está ao longo de toda a extensão, nos dois lados da rodovia Rio-Santos. Assim, a praia tem estacionamento privativo.

A praia de Itamambuca sedia campeonatos internacionais de surf e está localizada a 15 km ao norte do centro da cidade. O aeroporto mais perto de Ubatuba é o de São Paulo mesmo, (GRU) aeroporto, que fica a 144 km de distância.

Para quem pretende viajar de ônibus, as melhores rotas de saída são São Paulo, Rio de Janeiro ou a cidade de Paraty. Saindo de carro de São Paulo, existem duas principais opções de caminho: chegue através da cidade de Taubaté pela Rodovia Oswaldo Cruz ou vá por Caraguatatuba pela Rodovia dos Tamoios.

Há diversas opções de pousadas e hotéis em Ubatuba, mas escolha uma hospedagem próxima a praia que você vai frequentar mais.

Surfar em Itacaré (BA)

A cidade de Itacaré na Bahia tem alguns picos para o surf, como a Praia de Itacarezinho e a Praia da Tiririca. A praia de Itacarezinho possui 3,5 km de extensão e a praia da Tiririca abriga a cena local do surf.

Localizada a 15 km ao sul de Itacaré, Itacarezinho tem o canto norte da praia conhecido como Camboinha. Ela é boa para o banho e para o surf e tem 10 km de praia aberta com variados picos que possuem ondas desde suaves até tubulares, dependendo das condições do dia.

O acesso pode ser feito atravessando uma propriedade particular por trilha a partir das praias próximas ou pela estrada que leva a Ilhéus. É permitida a entrada para pedestres e cobrado o estacionamento para carros.

A praia da Tiririca tem ondas consistentes para o surf, curtas e rápidas, e durante o ano todo. As suas ondas fortes tornam essa a praia mais frequentada na região por surfistas, também por causa da sua localização próxima ao centro.

O aeroporto principal para chegar em Itacaré é o Aeroporto de Ilhéus, distante 75 km da cidade. A outra opção é chegar pelo Aeroporto Internacional de Salvador (SSA), distante 270 km via balsa de Itaparica ou 391 km via BR-101.

Também há diversas opções de hospedagem em pousadas e hotéis, porque a região é bastante turística.

Surfar em Guarujá (SP)

A cidade turística de Guarujá tem os melhores picos e melhores lugares para surfar no Brasil, como a Praia das Pitangueiras e a Praia do Tombo. Pitangueiras está na área central da cidade e é a praia com maior constância de ondas.

A Praia do Tombo ostenta o certificado da “bandeira azul”, selo internacional que avalia a qualidade da água, educação, informação ambiental, segurança e infraestrutura, entre outros 33 critérios. Localiza-se no bairro de Jardim Las Palmas, entre a Praia do Guaiúba e a Praia das Astúrias.

Ela é uma praia pequena de aproximadamente 900 metros de extensão. Vindo de outro estado, chegue pelo aeroporto de São Paulo, que está a 87 km do local. Saindo de carro da capital paulista, acesse pelas rodovias Anchieta/Imigrantes e Cônego Domenico Rangoni (antiga Rodovia Piaçaguera – Guarujá).

Saindo do RJ, o acesso é pela rodovia Rio-Santos. Para circular pela cidade, o carro é a melhor opção. As pousadas de Guarujá com melhor infraestrutura estão concentradas em quatro áreas: Praia do Guaiúba, Praia do Tombo, Praia das Pitangueiras, Praia da Enseada e Praia de Pernambuco.

Surfar em Florianópolis (SC)

Florianópolis tem como principais atrações o surf na Praia da Joaquina e na Praia da Lagoinha do Leste, assim como na Praia Brava.

A Praia da Joaquina está ao leste da ilha como um dos melhores picos para surfistas e já foi sede de alguns campeonatos mundiais de surf. Ela é uma parada obrigatória na cidade e fica a 15 km do centro de Florianópolis.

A praia Brava também é um dos picos para o surf e um bairro nobre super conhecido ao norte da ilha, muito procurado. A água é limpa e cristalina e suas ondas curtas e fortes, além de suas belezas naturais chamarem a atenção dos turistas.

O acesso pode ser feito diretamente de carro ou ônibus à praia Brava. A capital de Santa Catarina é privilegiada, pois recebe ondas do sul e do leste durante o ano todo e virou reduto do esporte.

O Aeroporto Internacional Hercílio Luz está localizado em Florianópolis. Para quem vem de carro, o principal acesso é pela BR-101 até São José, ao lado de Florianópolis. Fique hospedado próximo às praias de seu maior interesse, muitos hotéis e pousadas estão instalados em diversas áreas famosas pelo surf e, portanto, turísticas.

Surfar em Torres (RS)

A Praia dos Molhes em Torres tem ondas em seu canto direito que variam de 2 a 8 pés, ou seja, entre 0,6 a 2,5 metros! É um pico conhecido por surfistas que treinam todos os dias nas praias do Rio Grande do Sul.

A melhor formação de parede vem ao lado do quebra-mar em Torres, na saída do Rio Mampituba. Nessa cidade, a geografia começa a mudar e os bons ventos formados na praia dos Molhes são perfeitos para o surf.

A praia da Guarita fica dentro do parque estadual e, no canto esquerdo, as ondas costumam apresentar a melhor formação. O aeroporto de Porto Alegre é o mais próximo de Torres, embora esteja a quatro horas de distância, a 190 km.

De carro, o acesso é pela BR-101. Há opções de pousadas mais estruturadas no centro de Torres, onde ficam as praias Prainha (Praia do Meio), Praia Grande e Praia Molhes. A Praia da Guarita não é urbanizada, por isso não há hotéis e pousadas no local.

Torres também é conhecida por ter outras atividades radicais à disposição, além de ser um dos melhores lugares para surfar no Brasil.

Surfar em Fernando de Noronha (PE)

Os melhores picos de surf em Fernando de Noronha são as praias da Cacimba do Padre, Quixaba, Boldró e Bode. A alta temporada para os surfistas acontece entre os meses de novembro a março, época do “swell”.

Cacimba é um dos picos mais famosos, já que as ondas podem passar de 10 pés de altura, fortes e tubulares. A ilha possui ótimas ondulações durante o ano todo. Outro local famoso, a praia do Boldró tem ondas entre 4 a 10 pés rápidas e tubulares também que quebram em fundo raso de corais.

A Laje do Bode é um pico de direita com fundo de pedra e ondas com formações perfeitas, variando entre 3 e 8 pés de altura. Só é possível chegar de avião ou embarcação à Noronha, já que a sua localização está a 545 km de Recife e a 360km de Natal.

Os voos diretos para Noronha partem de Recife e Natal e levam cerca de uma hora até a ilha. É bem comum que as pousadas de Fernando de Noronha tenham um transfer para te pegar no aeroporto, gratuito e que busca outras pessoas no caminho, de outras hospedagens.

Surfar em Imbituba (SC)

Imbituba tem diversas praias para quem gosta de “voar” sobre as ondas praticando windsurf e kitesurf. A Praia do Rosa é onde os surfistas se encontram, assim como na praia Rosa Norte e na Praia da Vila.

Inclusive, a praia da Vila é conhecida internacionalmente pela qualidade de suas ondas. A Praia da Rosa já foi considerada uma das 10 praias mais bonitas do mundo, além de ser um dos melhores lugares para surfar no Brasil.

A praia da Vila conta com ondas perfeitas e pesadas, as séries podem chegar a 3,5 metros. Já a região da praia do Rosa está bastante preservada e é uma ótima oportunidade para um contato profundo com a natureza. As ondas podem chegar até três metros de altura.

O aeroporto mais próximo de Imbituba é o Hercílio Luz, em Florianópolis, e está a 99 km da cidade. De carro, o acesso a Imbituba é via BR 101. Saindo de Porto Alegre, são 370 km de viagem.

A Praia da Vila é uma das mais urbanas de Imbituba, portanto é a mais movimentada. Você encontra hospedagens muito simpáticas como chalés de madeira na Praia do Rosa para alugar por temporada.

Quais os cuidados necessários para surfar?
Quais os cuidados necessários para surfar?

COMPARADOR DE SEGURO DE VIAGEM

Cuidados necessários

Pensar na sua segurança, além de saber os melhores lugares para surfar no Brasil, é muito importante quando se trata de viajar e praticar esportes, mesmo que você seja um atleta experiente.

Então, veja quais são os principais cuidados. Pratique o surf de modo seguro, respeitando o local, as instruções da área e com equipamentos adequados, por exemplo.

Seguro de viagem

Torne a sua viagem mais tranquila com a contratação de um plano de seguro de viagem online.

É simples adquirir um seguro que cubra as práticas esportivas para o local que você escolheu surfar. Portanto, faça o seu planejamento considerando contratar um plano voltado para algo que possa acontecer durante a prática do esporte.

O turismo natural guarda diversas surpresas boas, mas devemos pensar que esportes nos deixam expostos a riscos e precisam de um seguro de viagem certo para as nossas necessidades.

Você pode acioná-lo a qualquer momento da viagem e ele oferece diversas proteções. Saiba mais no site Seguros Promo, um dos especialistas no assunto e que recomendamos.

Condicionamento físico

Principalmente os iniciantes não sabem o que é preciso para entrar no mar com segurança. O surf exige um ótimo condicionamento físico, então o preparo do corpo para melhorar o seu desempenho e evitar câimbras te dará mais confiança para enfrentar todas as ondas.

Portanto, pratique outras atividades para ajudar na sua evolução, como stand up paddle para o equilíbrio e remo a bordo de um barco para chegar a um determinado ponto. Assim, além da prática do próprio esporte, você estará conhecendo o seu corpo e com o preparo físico para mergulhar junto com a prancha e voltar à superfície.

Alimentação

Pense no antes, durante e depois do surf. As recomendações de uma refeição de atleta para competições ou para surfistas de final de semana são uma importante fonte de energia.

Então, uma dieta de supercompensação de carboidratos complexos e nunca entrar na água sem se alimentar, para ter energia e um bom desempenho, são primordiais.

Assim como recuperar os músculos depois de um treino deve restaurar o seu equilíbrio com muita hidratação e uma boa fonte de proteínas e carboidratos.

Psicológico

Os cuidados necessários incluem aspectos psicológicos muito importantes que envolvem autoestima, o cuidado com o outro surfista na água e um bom controle psico-emocional.

Sem estabilidade e confiança, não é possível praticar essa atividade física que conta com a imprevisibilidade das ondas em mar aberto e fica mais difícil ainda evitar acidentes e quedas graves.

Portanto, saiba os seus limites e respeite-os. O esporte exige concentração e essas recomendações são tão fundamentais quanto saber as regras de segurança do surf, os avisos de segurança do mar e os equipamentos necessários e adequados para a prática.

Equipamentos

Surfar com segurança é saber os equipamentos adequados a serem utilizados, porque não é qualquer prancha que irá te atender, depende das condições do mar.

Assim, você não deve surfar com uma prancha extremamente pequena para um mar muito grande, por exemplo. Também não tem como passar uma arrebentação com um longboard, pois não irá conseguir furar ondas grandes.

Então, saiba como minimizar as dificuldades com medidas de segurança que um equipamento adequado traz para não oferecer mais perigos em cada ocasião. A prancha diminui a sua chance de se machucar.

Do mesmo modo, use e cuide da cordinha, leash ou strap. Esse é o elemento que mantém a prancha perto do corpo, logo use sempre!

A parafina e os decks evitam escorregões nos movimentos rápidos na prancha. A parafina é mais utilizada na parte frontal das pranchas e os decks são colocados na parte traseira.

Acompanhamento de guias

Na verdade, ter informação e aprender com quem sabe vai garantir a sua segurança a todo o momento no esporte.

Conheça os surfistas locais e entenda quais são as orientações nos melhores lugares para surfar no Brasil. Eles sabem o que esperar das ondas e qual o comportamento do mar.

Treinamento/Graduação necessária

Procure uma escola de surf ou aprenda a surfar com um profissional. Essa observação é fundamental para que você aprenda de verdade quais são as técnicas e evolua com segurança.

Ao iniciar, nunca entre no mar sozinho ou tenha aulas com quem conhece pouco sobre o esporte.

Conclusão

Como você viu no artigo, mostramos como surfar com segurança e trouxemos os melhores lugares para surfar no Brasil!

São dicas fundamentais para saber mais sobre o assunto e como se planejar antes de viajar para praticar a atividade.

Gostaria de conhecer mais praias para o seu descanso e lazer? Continue lendo o nosso blog!

Thiago Cesar Busarello

Thiago Busarello é autor e criador do Vida de Turista, no qual adora viajar e falar do assunto de turismo e viagens, compartilhando dicas e informações de viagens com os leitores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat