BAIXE GRÁTIS NOSSO KIT DE PLANEJAMENTO DE VIAGEM! CLIQUE AQUI!

Concierge de hotel – Profissão turismo

QUAL O MELHOR SEGURO DE VIAGEM PARA VOCÊ?










Olá pessoal, esse é mais um artigo da nossa da série de artigos que falam sobre a profissão turismo e o artigo de hoje vem para falar da profissão de concierge de hotel e tudo o que envolve essa profissão.

Vamos falar sobre carreira, sobre as qualificações necessárias para trabalhar na profissão, sobre a remuneração média, assim como indicar lugares onde uma pessoa pode encontrar vagas de concierge mais facilmente.

Sobre a profissão de concierge de hotel

O concierge é a pessoa que trabalha em hotéis e resorts, responsável por controlar as entradas e saídas do hotel. Geralmente trabalha em um balcão na entrada do hotel e apoia os hóspedes em qualquer pedido que ele venha a ter.

Como no caso de pedido de táxis para os passeios, na prestação de informações gerais sobre o hotel, como o horário do café-da-manhã, o horário que fica aberto a piscina, o horário limite para pedir lanches no quarto, etc.

Também é ele quem ajuda o turista com dicas de destinos turísticos para passear na cidade, ajuda o turista na compra de passeios turísticos, na locação de carros, na reserva e indicação de restaurantes, e assim por diante. Um verdadeiro prestador de serviço para melhor atender os turistas nas suas necessidades durante a viagem.

Em alguns casos, a profissão se confunde com profissão de mensageiro de hotel, já que as atribuições são muito semelhantes. A profissão somente se distingue mesmo em grandes hotéis e resorts, no qual o concierge tem uma profissão mais especializada na orientação e prestação de serviço especializado ao hóspede.

Já a profissão de mensageiro é mais operacional, principalmente de carregar as malas dos hóspedes para os quartos, de pegar as correspondências, de levar mensagens de um funcionário para outro que está trabalhando em outro departamento, de dar orientações sobre o funcionamento da TV, entre outras.

Não quer dizer que o concierge não pode ajudar a realizar esse tipo de atividades, principalmente nos momentos de pico de atendimento do hotel e quando o seu setor estiver mais ocioso, porém de fato essa não é sua função principal.

Concierge de hotel - Profissão turismo
Concierge de hotel – Profissão turismo

COMPARADOR DE SEGURO DE VIAGEM

Como ser concierge de hotel

Não é necessária formação universitária para executar a profissão de concierge de hotel, porém se for para se especializar, a indicação são os cursos superiores de turismo e hotelaria que podem ser realizados em escolas e universidades como a Estácio, Cruzeiro do Sul, Anhanguera, Unopar, Pitágoras, Unip, e Uniasselvi, sendo que muitos dos cursos podem ser feitos de maneira EAD. Para ter acesso a bolsas você pode consultar o site da Catho Educação.

O funcionário precisa ter como habilidades principais o bom atendimento ao público e a boa comunicação, portanto cursos profissionalizantes que venham a somar esse tipo de habilidades somam muito para o sucesso na profissão.

O concierge que fizer boas parcerias com taxistas, restaurantes e pontos turísticos também fará a diferença no atendimento ao turista e dependendo o caso ainda poderá ganhar comissões dos estabelecimentos.

Outro diferencial para o concierge é ter um segundo idioma para melhor atender os turistas estrangeiros, no qual o mais recomendado é o idioma inglês. Sites como da English Live ou da Babbel podem ajudar o concierge de hotel a aumentar sua remuneração nesse sentido.

Remuneração concierge de hotel

A remuneração do concierge de hotel depende do hotel ou resort em que está trabalhando. Se for um hotel e resort de renome internacional, seus serviços são bem específicos e requisitados, principalmente por turistas estrangeiros e o salário acaba sendo maior e menos operacional do que de se fosse trabalhar em hotéis e resorts menores. O salário gira em torno de R$ 1.000,00 a R$ 3.000,00.

Quanto maior a qualificação do profissional e a sua experiência, também maior será a sua valorização financeira pelos hotéis e resorts, principalmente a sua especialização em idiomas e no atendimento do público.

Como mencionamos um pouco mais acima no texto, o concierge de hotel também pode ganhar remunerações variáveis a partir de comissões de vendas realizadas para os parceiros do hotel, como taxistas, restaurantes e pontos turísticos.

O único cuidado nesse ponto é em não empurrar serviços desnecessários para os turistas ou para lugares que não valem a pena, porém oferecem boa comissão, porque isso pode jogar contra o profissional, principalmente se houver uma reclamação para o gerente do hotel.

Onde encontrar vagas para a profissão

As vagas para a profissão de concierge podem ser encontradas nos tradicionais sites de pesquisa de emprego como Catho, Vagas, Indeed, Jooble, Infojobs ou Empregos. Também podem ser encontradas em redes sociais especialistas como o Linkedin, principalmente se filtrar pelos principais hotéis e resorts do Brasil.

A nossa sugestão é você atualizar o currículo nesses sites, deixando as informações o mais completas possíveis, e também se colocando à disposição para novas oportunidades. Também recomendamos acompanhar as vagas anunciadas pelas empresas que você tem interesse de trabalhar. Uma boa opção pode ser a de criar alertas.

Outra dica importante é manter um bom networking profissional com colegas de aula ou amigos de profissão, assim como participando de cursos de formação, palestras e eventos.

Participar de grupos de Whatsapp e comunidades no Facebook também podem ser boas oportunidades para conhecer as vagas antes dos demais candidatos.

Minha experiência com concierge de hotel

Tive contato com profissionais que atuavam como concierge de hotel apenas duas vezes, na viagem a Cancún no México e na viagem a Buenos Aires na Argentina.

Utilizei os serviços do concierge para chamar táxis e indicar bons restaurantes, no qual ambos foram bem prestativos, indicando lugares que realmente valeram a pena visitar, assim como passaram a segurança necessária com táxis de confiança.

Também já tive contato com mensageiros de hotel, nesse caso na mesma viagem para o México, só que o destino era Cozumel, no qual o principal serviço que utilizei foi de levar as malas para os quartos.

Até então eu sempre levei minhas malas para o quarto sozinho e foi novidade ter o apoio desse profissional. Como estava cansado da viagem de mais de 12 horas e faz parte da tradição do México aceitei a ajuda e dei gorjeta pela prestação do serviço.

Alternativa para trabalhar com turismo

Uma alternativa para quem quer trabalhar com turismo de maneira online e ganhar uma renda extra nas horas livres é fazer esse curso do Maicon Santtos que ensina como montar uma agência de viagens on-line e vender pacotes de viagem para as pessoas a partir de ferramentas digitais.

O curso possui vários módulos que ensina do básico para promover os pacotes de viagem até como conseguir acesso para as ferramentas e sites que permitem você fazer as vendas e assessorar as pessoas que querem viajar. É uma experiência interessante para você testar o mercado e ver como você consegue lidar com os turistas.

>>> Clique aqui para conhecer o curso

Finalizando

Entendo que ambas as profissões de concierge e mensageiro de hotel são das mais interessantes no ramo hoteleiro, principalmente pelo contato com os hóspedes, na prestação e auxílio aos turistas, assim como na possibilidade de remunerações extras.

A profissão também é ótima já que ajuda a exercitar um segundo idioma, principalmente se o hotel ou resort onde o profissional está trabalhando recebe turistas estrangeiros, o que deve ser muito comum aqui no Brasil nas hospedagens no Rio de Janeiro e de cidades no Nordeste, como Recife, Fortaleza e Maceió.

Indicamos a profissão tanto para quem está começando a carreira no ramo do turismo, assim como para profissionais mais experientes e que adoram receber e falar com pessoas e querem ter uma nova experiência profissional.

Agora queremos ouvir a sua opinião. Você já conhecia a profissão de concierge de hotel? Tem interesse de trabalhar com essa profissão? Ou então com a profissão de mensageiro? Deixe abaixo o seu comentário!

Abraço e até o próximo post!

SUA VIAGEM COMEÇA AQUI!

  • Se quiser viajar para o paraíso, o Zarpo tem os melhores pacotes de viagem em resorts e hotéis de tirar o fôlego.
  • Para encontrar a passagem aérea com o menor preço do mercado, não deixe de consultar o site da MaxMilhas que consulta os preços em várias companhias aéreas!
  • Reserve diárias de hotel no mundo inteiro de maneira prática e segura no Booking.com, com opção de cancelamento grátis e sem precisar pagar antecipadamente!
  • Precisa de aluguel de carro? Na RentCars o pagamento é feito em reais, sem cobrança de IOF parcelado sem juros no cartão ou com 5% de desconto no boleto.
  • E não esqueça do seguro viagem. Na Seguros Promo você usa o cupom VIDADETURISTA5 e ganha desconto de 5% na compra.
  • Para os passeios, ingressos para tours, shows e entradas em museus você pode contar com a Get Your Guide em vários lugares do mundo.
  • Com o cupom VIDADETURISTA da América Chip você ganha 5% de desconto na compra de um chip internacional para viajar conectado o tempo todo.

Ao fazer uma compra com um parceiro através do blog recebemos uma pequena comissão. Ninguém paga a mais por isso e de quebra ajuda o blog a trazer sempre artigos e novidades atualizadas. Obrigado! =)

Thiago Cesar Busarello

Thiago Busarello é autor e criador do Vida de Turista, no qual adora viajar e falar do assunto de turismo e viagens, compartilhando dicas e informações de viagens com os leitores.

7 comentários em “Concierge de hotel – Profissão turismo
  • 22/05/2017 em 17:54
    Permalink

    Olá
    Gostei muito do artigo. Acho que me encaixaria bem nesta função, sou bem articulado e falo Inglês e também árabe, creio que a idade pesaria… tenho 47 anos… o que você acha?

    Resposta
    • 22/05/2017 em 23:09
      Permalink

      Olá Gesser, eu acredito que a sua idade não influenciaria não numa eventual contratação para concierge de hotel. Pelo contrário, por estar em uma faixa de idade intermediária, entendo que até facilitaria na contratação. Basta você demonstrar o conhecimento necessário para a função de concierge e também ter força de vontade para chegar lá. Abraço!

      Resposta
  • 09/08/2017 em 01:43
    Permalink

    Boa noite!!!

    Tenho interesse e vontade de ser concierge.
    Sou formada em publicidade e propaganda, sou muito comunicativa.
    Tenho 42 anos, pelo visto não interfere para o cargo.
    Quero uma dica para começar a trabalhar nesta área.
    Pode me ajudar?
    Obrigada
    Claudia Mott

    Resposta
    • 26/08/2017 em 22:16
      Permalink

      Olá Claudia, o primeiro passo é se qualificar, estudando e fazendo cursos da área. Depois de ter os estudos, você se torna apta para participar de vagas de emprego e oportunidades de trabalho. Busque vagas no Linkedin, sites de emprego como Turisjobs, distribua currículos em hotéis e também agências de empregos locais. Tenho certeza de que você vai encontrar a oportunidade certa. Abraço!

      Resposta
  • 01/09/2017 em 21:19
    Permalink

    Essa profissão de nome tão belo e pomposo, tão distante do cotidiano dos comuns, que está tendo maior divulgação devido à trama da novela global, deveria ter um salário mais parecido com sua denominação. Não faz muito sentido trabalhar todo engomado, ser obrigado a falar dois idiomas no mínimo, encher os usuários do hotel de bajulação e receber vencimentos que lhe obriga a morar na periferia.

    Resposta
    • 02/09/2017 em 19:15
      Permalink

      Concordo Rudiney. E o pior é que os salários no Brasil ficaram ainda mais achatados depois da crise financeira e política. Agora uma indicação de um partidário para um cargo público, mesmo sem qualquer qualificação, rende bons honorários a este apenas por questões políticas. É uma inversão de valores que nos deixa realmente indignados. =|

      Resposta
  • 28/02/2020 em 02:04
    Permalink

    Thiago,

    Sou concierge em um hotel de ponta na minha cidade, o concierge é o responsável por TUDO, literalmente TUDO que o hóspede precisa durante a sua hospedagem e que é solicitação externa hotel, para as internas existe o mordomo. Os mensageiros, por outro lado, tem uma função bem distinta, eles são responsáveis pelas entregas dentro do hotel, seja de informações e confirmações ou de malas.
    Muitas vezes o mensageiro é subordinado ao concierge, depende da estrutura organizacional do hotel, em alguns casos é subordinado ao capitão porteiro.

    Hoje tenho 26 anos, falo além do português, inglês e espanhol fluentes, sou formado em Turismo e Hotelaria por uma Universidade Estadual e já trabalhei tanto pra o poder público, nas 3 esferas, Federal, Estadual e Municial, quanto pra iniciativa privada, em museus e hoteis, como hoje estou…
    Sobre o salário eu concordo com o Rudiney, o salário é baixo pra o stress, a correria, os pedidos… Mas pode chegar até uns R$3.000,00 bruto e também recebe comissão por tudo que “vende”… O que faz as vezes o salário dobrar.

    Tudo depende do networking que o Concierge tem, o bom concierge é o que está antenado a tudo que acontece na região, que tem os melhores contatos nas mais diversas áreas, de restaurantes e taxis a festas e barcos.

    A idade é bem o de menos, o ideal é saber que você vai ter que estar sempre experimentando coisas novas pra saber se vale a pena ou não a indicação e/ou a parceria e claro, estar sempre se aperfeiçoando nos mais diversos idiomas para melhor atender os hóspedes.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *