BAIXE GRÁTIS NOSSO KIT DE PLANEJAMENTO DE VIAGEM! CLIQUE AQUI!

Viagem para a Argentina

Planejando fazer viagem para a Argentina? Esse é o post onde vamos trazer absolutamente tudo o que você precisa saber antes de embarcar na viagem.

Vamos falar sobres os principais pontos turísticos da Argentina, trazer informações para o planejamento da viagem e dicas para que você possa fazer uma viagem perfeita.

Para começar, é importante que você saiba que a Argentina é o país mais visitado da América do Sul e um dos destinos favoritos dos brasileiros.

Isso se deve ao fato de o país oferecer atrativos dos mais variados possíveis, atendendo desde turistas mais aventureiros em busca de paisagens naturais de tirar o fôlego ou então aqueles turistas que estão em busca de lazer, descanso e uma excelente gastronomia.

Difícil encontrar alguém que conheceu a Argentina e não gostou da viagem não queira visitar novamente, seja esse destino Buenos Aires, a Patagônia, Bariloche ou Mendoza.

Principais regiões turísticas

A argentina tem 2,7 milhões de metros quadrados e fica localizado praticamente no sul da América do Sul, com terras que ficam em montanhas, em regiões geladas, em regiões desérticas e também em grandes campos ou cidades.

Isso é o que faz a Argentina ser diferente de outros países da América do Sul, porque em um único país você pode visitar regiões extremamente diferentes.

Considerando isso, fizemos um levantamento e trouxemos aquelas que são as principais regiões turísticas da Argentina:

  • Buenos Aires
  • Bariloche
  • El Calafate
  • Villa La Angustura
  • Puerto Iguazu
  • El Chaltén
  • Mendoza
  • Salta
  • Ushuaia
  • Córdoba
Essa é famosa Casa Rosada em Buenos Aires
Essa é famosa Casa Rosada em Buenos Aires

QUAL O MELHOR SEGURO DE VIAGEM PARA VOCÊ?










Buenos Aires

Quando se fala em turismo na Argentina, é inevitável não pensar em Buenos Aires!

A bela capital portenha é também a maior cidade do país e encanta a quem a visita por conta de seus diversos pontos turísticos, sua rica cultura e sua gastronomia.

Centro cívico de Buenos Aires

O principal ponto turístico de Buenos Aires é a Casa Rosada, que é a sede do Poder Executivo e cartão postal da cidade. Um lugar que vale a visita seja para tirar fotos de fora ou então conhecer o palácio administrativo por dentro.

Bem perto da Casa Rosada há uma famosa praça, a Plaza de Mayo. Nela já ocorreram diversas manifestações e é o centro histórico mais importante da cidade.

O Congresso da Nação Argentina, sede do Poder Legislativo do país, é outro belíssimo prédio da cidade e chama a atenção pela sua arquitetura.

San Telmo

Outro importante ponto turístico é o Mercado de San Telmo, o mercado mais famoso da cidade. Ele é dividido em duas partes: uma delas foi destinada à venda de antiguidades e a outra à gastronomia.

Bem pertinho do mercado há a Feira de San Telmo, uma feira que existe desde a década de 1970 e muito famosa devido à imensa variedade do que é vendido lá. Bom lugar para garantir os souvenires da viagem.

Depois de um longo dia de caminhada, a dica é parar um pouco na famosa Plaza de San Martín para descansar um pouco. O nome da praça é uma homenagem a José de San Martín, importante figura histórica do país, sendo considerado pai da nação argentina.

Além disso, a praça fica localizada em um ponto bastante estratégico: entre as principais avenidas da cidade, caminho para muitos outros pontos turísticos.

O Cemitério da Recoleta é outro famoso ponto turístico da cidade, um dos mais visitados, aliás. Nele estão enterradas importantes personalidades argentinas e há muitas obras de arte.

Bem perto do cemitério há a Igreja Nossa Señora del Pilar, o Centro Cultural Recoleta e o monumento metálico Floralis Generica, uma enorme flor de metal cujas pétalas se abrem de dia e se fecham a noite.

Tango de rua em San Telmo em Buenos Aires
Tango de rua em San Telmo em Buenos Aires

VAMOS FALAR DE DINHEIRO?

Se precisar de empréstimo para a viagem, existem empresas especialistas em crédito pessoal para ajudar nesse sentido. Para conhecer algumas delas, clique aqui.

Um cartão de crédito internacional ajuda a acumular milhas e evita que você carregue muito dinheiro na viagem aumentando a segurança. Clique aqui para conhecer algumas opções.

Para ter acesso a vários serviços financeiros, gerenciar gastos e pagar boletos durante a viagem você pode criar uma conta digital em sites como esses aqui da lista.

Rosedal de Palermo

Vale também visitar o Rosedal de Palermo. O local é famoso por suas mais de 18 mil rosas de mais de 90 espécies diferentes que enfeitam uma área de 3,4 hectares.

“Além das flores, no espaço também há um lago, uma ponte grega, um anfiteatro, o Jardín de Los Poetas, com bustos de poetas famosos como William Shakespeare, Dante Alighieri, entre outros.”

Bem pertinho do Rosedal, há um excelente complexo gastronômico: o Arcos del Rosedal, com vários restaurantes que vêm chamando a atenção nos últimos anos. Mas o verdadeiro diferencial do complexo é que ele está localizado sob as linhas do trem.

Impossível falar de Buenos Aires sem se lembrar do tango argentino, não é mesmo? Você pode aproveitar um delicioso jantar e ainda curtir um show de tango. Os melhores lugares para isso são os tradicionais Señor Tango e Madero Tango.

Roteiro cultural

Também vale dizer que Buenos Aires respira cultura! Nela você encontrará uma variedade imensa de atrações culturais para todos os gostos e bolsos.

Nesse sentido, um dos pontos turísticos mais famosos de Buenos Aires é o Teatro Colón, um dos mais belos teatros do mundo.

É comum passar perto do local e se admirar com sua arquitetura e seu tamanho. O teatro ocupa nada mais nada menos que um quarteirão inteiro!

Vale também visitar a Livraria El Ateneo, uma grandiosa livraria que chama a atenção por sua beleza. Foi considerada pelo jornal britânico The Guardian como a segunda livraria mais bela do mundo. Nela há espaços reservados a leitura, cafés e diversas apresentações culturais.

Palco do Teatro Colón
Palco do Teatro Colón

COMPARADOR DE SEGURO DE VIAGEM

Outros passeios em Buenos Aires

Outros passeios que merecem a visita durante sua viagem para a Argentina dentro de Buenos Aires são os bairros Tigres, Recoleta, Puerto Madero e La Boca, onde você visita o famoso El Caminito.

O Caminito é um dos pontos turísticos de viagem para a Argentina
O Caminito é um dos pontos turísticos de viagem para a Argentina

Bariloche

A cidade de San Carlos de Bariloche, ou apenas Bariloche, é outro destino argentino muito famoso, principalmente para uma viagem de férias de julho na Argentina.

A cidade conquistou os corações de muitos brasileiros, pois é repleta de belezas naturais, possui excelentes opções de hospedagem, ótima gastronomia, e um clima muito atrativo.

Fato é que Bariloche é um dos destinos favoritos dos brasileiros no inverno. Muitos brasileiros, inclusive, escolhem a cidade para conhecer a neve pela primeira vez.

Existem várias estações de esqui em Bariloche com destaque para o Cerro Catedral que é a principal e mais conhecida, localizada no Parque Nacional Nahuel Huapi.

A cidade recebe tantos turistas brasileiros que não é difícil encontrar funcionários de hotéis, restaurantes, estações de esqui e demais pontos turísticos falando português.

Isso facilita muito a comunicação durante a viagem, já que o espanhol falado na Argentina é cheio de gírias e sotaques, no qual eles também falam bem rápido, diferente do espanhol falado no México ou na Espanha, por exemplo.

Vista do teleférico para o Cerro Catedral
Vista do teleférico para o Cerro Catedral

DICAS PARA A BAGAGEM

Importante conhecer as regras de bagagem antes de viajar para não pagar multa ou ser barrado de entrar no avião. Para conhecer as regras, clique aqui.

Se ainda não tem a mala para a viagem, pode fazer uma consulta e cotação de malas de viagem a partir de sites como esse clicando aqui.

Reserve um espaço nas malas para eventuais compras de roupas, presentes ou produtos típicos do destino.

Bariloche no inverno é muito fria o que deixa muitas pessoas com as dúvidas sobre o que vestir e o que levar na mala. O mais indicado é se vestir em camadas e tirar as roupas mais pesadas de cima quando for entrar em algum lugar com aquecimento, por exemplo.

“Roupas do tipo segunda pele também são interessantes. Para aqueles que desejarem se aventurar na neve, há diversas lojas que alugam roupas para usar nesse clima.”

Uma vez em Bariloche, não deixe de conhecer o Centro Cívico de Bariloche, conhecer as praças, o Museu da Patagônia e, é claro, visitar os restaurantes, provar da gastronomia argentina, do fondue e dos seus famosos chocolates.

Apesar de a cidade ser considerada por muitos como um destino “de inverno”, Bariloche no verão pode muito bem ser um encantador destino para se visitar nessa estação.

Durante os meses mais quentes do ano, o branco da neve dá lugar ao verde e às flores. O local é escolhido por muitos no verão para a prática de trekking, pesca esportiva e caminhadas perto do lago Nahuel Huapi.

Bariloche é o destino de inverno preferido da Argentina
Bariloche é o destino de inverno preferido da Argentina

Villa La Angustura

Bem próximo a Bariloche fica a cidade de Villa La Angostura. A cidade localizada às margens do Lago Nahuel Huapi tem pouco mais de 11 mil habitantes e é perfeita para quem está em busca de calmaria, boa gastronomia, e estações de esqui e snowboard mais vazias.

No verão, a cidade é perfeita para a prática de trekking, pescaria e demais atividades ao ar livre. Por sinal, Villa La Angosura é bem mais tranquila que a sua vizinha famosa, Bariloche.

Isso faz com que os serviços oferecidos no local sejam bem mais exclusivos e personalizados.

Mas não se engane: exclusivo neste caso não significa necessariamente caro. Você pode encontrar diversas opções de hospedagem na cidade. Desde as mais acessíveis até as mais caras.

Puerto Iguazu

A cidade de Puerto Iguazú é uma cidade argentina que faz fronteira com a cidade brasileira de Foz do Iguaçu e a cidade paraguaia Ciudad del Este, é a menor das cidades da Tríplice Fronteira com cerca de 80 mil habitantes e possui pontos turísticos muito interessantes de se visitar.

O primeiro deles é o lado argentino das famosas Cataratas do Iguaçu e a Garganta del Diablo. O lado argentino conta com mais trilhas que o lado brasileiro e é ótimo para os mais aventureiros.

O Casino Iguazú é outro ponto turístico muito visitado, especialmente por turistas brasileiros.

Isso acontece porque desde 1946 os jogos de azar são proibidos no Brasil e os brasileiros aproveitam para fazer uma aposta e se divertir nos caça-níqueis ou jogos de cartas, dados e roletas. Um local divertido para passar algumas horas e relaxar.

Quem gosta de fazer umas compras vai gostar de Puerto Iguazu porque a cidade conta com um Duty Free Shop e uma feirinha. Aproveite para comprar vinhos argentinos, alfajores e provar das azeitonas.

Interessante ressaltar que apesar de a cidade estar localizada na Argentina, a maioria dos funcionários entende português e a comunicação não vai ser um problema por lá.

Em Puerto Iguazu na Argentina é possível se divertir nos cassinos
Em Puerto Iguazu na Argentina é possível se divertir nos cassinos

El Calafate

El Calafate fica localizado na Patagônia Argentina e é uma pequena cidade turística que chama a atenção pela diversidade de suas belezas naturais.

O centro da cidade, apesar de pequeno, também tem suas atrações. É no centro da cidade que podemos encontrar os melhores restaurantes, os melhores hotéis, e algumas lojas em que é possível comprar algumas lembrancinhas da viagem.

A principal atração de El Calafate é o Glacial Perito Moreno, terceira maior geleira do planeta e maior geleira da Argentina.

Sua imensa superfície se divide entre a Argentina e o Chile. Tamanha imponência e importância fizeram com que em 1981 a UNESCO a declarasse como Patrimônio da Humanidade.

“O Lago Argentino e suas águas azuis complementam a paisagem. Atenção aos barulhos, pois você pode ouvir um bloco de gelo se desprendendo e caindo na água.”

Ainda no Parque Nacional Los Glaciares se encontra a Estância Cristina. Famosa por sua hospitalidade, nela você poderá fazer trekking, cavalgadas, visitar pontos com vista panorâmica e ainda saborear um delicioso almoço.

Após conhecer a fazenda, aproveite para conhecer o Glacial Upsala, bem próximo a ela. O acesso à Estância Cristina se dá somente através de barco.

Glaciar Perito Moreno na Patagônia Argentina
Glaciar Perito Moreno na Patagônia Argentina

El Chaltén

A mais nova cidade da Argentina, El Chaltén, é ideal para quem deseja fugir um pouco dos grandes centros e curtir as belas paisagens da Patagônia.

Assim como a cidade vizinha El Calafete, a cidade de El Chaltén é ideal para quem gosta de praticar esportes como o trekking, fazer trilha e escalada.

Diferente de outras cidades da Patagônia, El Chaltén não é indicada para se visitar no inverno porque a grande parte de seus estabelecimentos é fechada e o frio é extremo.

A cidade em si é bem pequena, tranquila e pacata e a maioria das pessoas que a visitam o fazem única e exclusivamente pelas trilhas (aquelas trilhas longas mesmo, de horas de caminhada). Você pode encontrar restaurantes, hotéis, mas não espere nada muito luxuoso.

“Por sinal, as trilhas de El Chaltén são bem sinalizadas. Caso você não se sinta preparado para ir sozinho, é possível contratar um guia.”

As principais trilhas são: a da Laguna Capri, a do Mirador e a Laguna de Los Tres. Todas com vistas incríveis que valem o esforço.

Mendoza

Se você é apaixonado por vinhos, a cidade de Mendoza é perfeita para você!

A cidade tem um clima mais ameno, bem diferente das cidades da Patagônia, por exemplo. Excelente opção para quem quer fugir de grandes centros. Mas o grande diferencial da cidade são as 130 vinícolas!

A cidade pode ser visitada tanto no inverno quanto no verão e é ideal para quem quer desfrutar de bons vinhos, boa gastronomia e quer aproveitar o campo.

Importante ressaltar que a cidade não é só para enólogos. Os adeptos da prática de esportes ao ar livre também vão encontrar bons lugares para a prática de hiking, trekking, entre outros esportes.

O Parque General de San Martín é um ótimo lugar para quem quer praticar atividades físicas e ainda conta com espaços para fazer piqueniques e churrascos.

“Quem gosta de um agito também vai gostar de Mendoza. A cidade possui excelentes bares e restaurantes na Avenida Aristildes Villanueva.”

Quem faz viagem para Mendoza também pode fazer o tour Alta Montana, que vai para a Cordilheira dos Andes. Um passeio muito interessante, nada óbvio e com uma vista de tirar o fôlego.

A cidade é um excelente lugar para comprar vinhos, azeites, alfajores e o famoso Dulce de Leche. No Mercado Central é possível encontrar tudo isso por um preço mais em conta.

Na Plaza Independência de Mendoza você também pode encontrar uma feirinha de produtos artesanais e aproveitar alguns shows.

Mendoza é onde você vai encontrar as vinícolas argentinas
Mendoza é onde você vai encontrar as vinícolas argentinas

Salta

Aos pés da Cordilheira dos Andes, no norte da Argentina, se encontra a cidade de Salta. A bela cidade é capital da província de mesmo nome e é cercada por montanhas. Suas montanhas e arquitetura colonial encantam quem a visita. Não é à toa que a cidade recebeu o apelido de La Linda.

Não deixe de conhecer a famosa Plaza 9 de Julio, localizada bem no centro da cidade. Perto da praça está localizada a Catedral de Salta, uma belíssima igreja construída no século XIX e que retrata bem a arquitetura da época.

Ao lado da igreja, está localizado o Cabildo, outra linda construção e que outrora foi a prefeitura da cidade.

Bem perto da praça também há o Museo de Arqueologia Alta Montaña, importantíssimo para a cidade, pois é nele que se encontram diversos tesouros da civilização Inca.

Ushuaia

Ushuaia é a cidade do fim do mundo. Mais um destino para quem deseja se aventurar na Patagônia Argentina. A cidade recebeu o apelido porque é a cidade mais próxima do continente antártico.

O destino é ideal para quem quer se aventurar em paisagens maravilhosas, entrar em contato com a natureza e ver de perto animais como os pinguins, leões-marinhos e etc.

A cidade tem a temporada de neve mais longa do hemisfério sul e é perfeita para a prática de esportes como o esqui e o snowboard.

Importante ressaltar que no inverno o frio é extremo e por conta disso a melhor época para se visitar o fim do mundo é o verão, quando as temperaturas são mais amenas.

Quem faz viagem para Ushuaia está mais interessado nas atividades ao ar livre que em passeios pela cidade. Por conta disso a cidade não é das mais bonitas.

Mas isso não significa que é uma cidade ruim, ao contrário. Ela tem uma boa estrutura para os turistas, bastantes lojas, um freeshop, e diversas opções de restaurantes e hospedagens.

“Não deixe de conhecer a Laguna Esmeralda, o Beagle Channel e Pinguinera, o Parque Nacional Tierra del Fuego e o Glaciar Martial.”

Ushuaia é a cidade do fim do mundo
Ushuaia é a cidade do fim do mundo

Córdoba

A cidade de Córdoba é a segunda maior cidade da Argentina e uma das mais importantes do país.

A cidade é conhecida tanto pelas suas universidades quanto pela sua história e suas belas paisagens. Atrativos turísticos não faltam para quem quiser conhecê-la.

Não deixe de visitar a Plaza San Martín de Córdoba. Nela se encontra a bela Catedral de Córdoba, uma linda igreja construída em 1580.

Outras igrejas que valem a pena visitar em Córdoba é a de Los Capuchinhos e a Manzana Jesuítica.

O Mercado de La Ciudad é um excelente ponto turístico para quem quer comprar suas lembrancinhas e desfrutar de boa comida, já que Córdoba é famosa pela sua gastronomia.

“Aproveite para comprar vinhos, o famoso alfajor e dulce de leche, assim como não deixe de provar as carnes assadas, chamadas de parrillas.”

As belas paisagens de Córdoba na Argentina
As belas paisagens de Córdoba na Argentina

Como chegar até a Argentina

A Argentina é um dos destinos de viagem mais escolhidos pelos brasileiros. Por conta disso não faltam meios de transporte e caminhos para chegar até a Argentina.

A opção mais escolhida é o avião, mas também é possível ir para a Argentina de ônibus ou carro. Vamos ver um pouco mais sobre esses meios de transporte.

Passagem aérea para Argentina

Existem várias opções de voos para a Argentina saindo do Brasil. Os preços variam bastante dependendo da companhia aérea e da temporada.

Existem voos para Buenos Aires saindo das principais capitais brasileiras como São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Porto Alegre e Fortaleza.

As companhias aéreas que oferecem voos para Buenos Aires são: LATAM, GOL, AZUL, Emirates, Aerolíneas Argentinas, Turkish Airlines e Qatar Airlines.

Saindo de São Paulo, Rio de Janeiro e Fortaleza também há voos para a cidade de Córdoba. As companhias aéreas que oferecem voos para Córdoba saindo do Brasil são: LATAM, GOL, AZUL e Aerolineas Argentinas.

Também existem voos saindo de São Paulo para Bariloche. Entretanto, só é possível voar para Bariloche durante o inverno. As companhias aéreas que oferecem voos para Bariloche são: GOL, LATAM, AZUL e Aerolineas Argentinas.

Para fazer uma pesquisa de preço e ver a disponibilidade dos voos sugerimos o site da Max Milhas, já que eles também trazem ofertas e preços de passagem comprando através de milhas. Fica a dica!

Aerolíneas Argentinas é uma das principais cias aéreas do país
Aerolíneas Argentinas é uma das principais cias aéreas do país

Caminho terrestre

É possível também viajar para a Buenos Aires de ônibus. A viagem é bem mais longa e cansativa que a de avião, mas tem suas vantagens.

Há ônibus para Buenos Aires saindo de São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Foz do Iguaçu, Florianópolis e Porto Alegre.

É possível viajar de ônibus para Buenos Aires pelas empresas JBL Turismo, Cruz del Sur, Flecha Bus e Crucero del Norte. É possível também ir para Córdoba de ônibus pelas empresas JBL Turismo e Crucero del Norte.

>> Fazer pesquisa de passagens de ônibus

Há quem deseja se aventurar por terra também e queira fazer viagem para Buenos Aires de carro. Saindo de São Paulo, a maneira mais rápida é ir até Foz do Iguaçu e de Foz do Iguaçu a Buenos Aires.

Outro caminho é dirigir até o Uruguai e de lá, pegar uma balsa e ir até Buenos Aires.

Para quem deseja ir à Argentina de carro, é importante saber que é necessário que você faça um seguro obrigatório contra terceiros para rodar no MERCOSUL.

A PID (Permissão Internacional Para Dirigir) não é obrigatória na Argentina, já que os países fazem parte desse acordo unilateral entre Argentina, Brasil, Uruguai e Paraguai.

Agora atenção para os itens de segurança obrigatórios que seu carro precisa ter: além dos itens necessários no Brasil, é obrigatório ter também um triângulo adicional e um extintor de incêndio dentro do prazo de validade.

Viajar de carro também pode ser uma opção
Viajar de carro também pode ser uma opção

Aluguel de carro

Alugar um carro na Argentina é uma tarefa simples, mas que requer alguns cuidados. Você precisará apenas da sua Carteira Nacional de Habilitação, do seu RG e do seu cartão de crédito.

A maioria das pessoas faz o desembarque em Buenos Aires para então visitar outras cidades turísticas da Argentina, alugando um carro logo depois do aeroporto.

As melhores locadoras para alugar um carro na Argentina são: Alamo, Hertz, Avis, Thrifty, National, Europcar e Budget. Para ajudar na pesquisa, saiba que existem sites que ajudam na comparação de preços, como é o caso da Rentcars.

>> Fazer pesquisa de carros para alugar

Onde ficar na Argentina

Existem várias opções de hospedagem na Argentina. Você pode ficar em hotéis, pousadas, hostels ou casas de temporada.

Hotéis em Buenos Aires

Nossa sugestão de hospedagem em Buenos Aires é o Hotel Hilton, de categoria 5 estrelas, localizado no bairro Puerto Madero, com diárias a partir de R$ 727,00.

Outra opção é o CasaSur Recoleta, localizado no coração de Buenos Aires, também de categoria 5 estrelas, com diárias a partir de R$ 1.296,00.

Já se você busca economia, o Europlaza Hotel & Suites é uma boa opção com diárias a partir de R$ 154,00. Ele economiza não só nos preços das diárias, mas sim também com deslocamento por estar bem localizado.

Hotéis em Bariloche

A nossa sugestão de hospedagem em Bariloche é o hotel Huinid Cabañas Bustillo, de categoria 5 estrelas, com vista para o Lago Nahuel Huapi e com diárias a partir de R$ 493,00.

Outra opção é o Llao Llao Resort que fica localizado nas montanhas e oferece toda a estrutura de resort para tornar a viagem ainda mais agradável, com diárias a partir de R$ 1.118,00.

>> Conferir outras opções de hospedagem

Llao Llao Resort é uma das indicações de hospedagem em Bariloche
Llao Llao Resort é uma das indicações de hospedagem em Bariloche

Gastronomia da Argentina

A gastronomia argentina é um caso a parte. O país foi colonizado por imigrantes da Espanha e da Itália e toda essa influência recebida se reflete na gastronomia.

Pode-se dizer que a culinária argentina também sofreu influências africanas e indígenas, mas as maiores influências com certeza vieram dos europeus.

Não deixe de experimentar as carnes, especialmente o tradicionalíssimo bife de chorizo. Experimente também a parrillada, que é um prato feito com várias carnes assadas no carvão e que lembra um pouco o churrasco brasileiro.

Impossível falar sobre culinária argentina e não se lembrar das empanadas, não é? É tipo um pastel assado de massa bem fininha com várias opções de recheio. O mais comum é o recheio de carne, ovos e batatas.

Embora a pizza seja um prato bem comum, não deixe de provar a pizza argentina. Ela tende a ter um sabor especial, já que a forma de temperar dos argentinos é diferente da nossa.

O choripan é como se fosse um cachorro-quente argentino. A iguaria é feita com linguiça assada, chimichurri e pão francês. É um lanche delicioso, barato e que pode ser encontrado com muita facilidade.

Se você gosta de pamonhas, você provavelmente também vai gostar das humitas, que são uma espécie de pamonhas mais temperadas.

Pensou em sobremesas argentinas? Então você pensou nos tradicionais alfajores. Eles são bolinhos recheados com dulce de leche e cobertos de chocolate. Uma delícia! Provavelmente você vai querer trazer alguns na mala como lembrancinha.

O churrasco também faz parte da gastronomia argentina
O churrasco também faz parte da gastronomia argentina

Seguro de viagem para a Argentina

Para nós, brasileiros, não é obrigatório contratar um seguro de viagem quando você for viajar para a Argentina.

O que não significa que não seja recomendado. Afinal, imprevistos acontecem e é melhor estar preparado, não é mesmo?

A boa notícia é que muitas empresas de cartão de crédito oferecem seguros de viagem gratuitos para os seus clientes. Procure saber o que eles cobrem.

Assim como contratar um seguro de viagem para a Argentina não é caro e vale a pena. Você pode fazer a compra através do site Seguros Promo.

>> Fazer cotação de seguro de viagem

O que fazer na Argentina

  • Assistir a um show de tango em Buenos Aires
  • Comer um bife de chorizo nos restaurantes de Puerto Madero
  • Tomar um café delicioso no Café Tortoni em Buenos Aires
  • Comer os chocolates de Bariloche
  • Experimentar os vinhos de Mendoza
  • Assistir um show de tango no Madero Tango
  • Bater fotos incríveis na Patagônia
  • Visitar as Cataratas do Iguaçu do lado argentino
  • Curtir a neve em Bariloche
  • Entre outros…

Informações sobre a Argentina

  • Capital: Buenos Aires
  • População: 43,6 milhões de pessoas
  • Localização: América do Sul
  • Moeda: Peso argentino
  • Idioma: Espanhol

Aeroportos da Argentina

  • Aeroporto de Ezeiza
  • Aeroporto de Bariloche
  • Aeroparque Jorge Newbery
  • Aeroporto de Puerto Iguazú
  • Aeroporto de Cordoba
  • Aeroporto de Mendoza
  • Entre outros…

Cidades importantes da Argentina

  • Buenos Aires
  • Bariloche
  • Mendoza
  • Puerto Iguazu
  • La Plata
  • Quilmes
  • Santa Fé
  • Bahía Blanca
  • Lanús
  • Tandil
  • Córdoba
  • Rosário
  • Entre outras…

Artigos sobre a Argentina

Galeria de fotos da Argentina

FAQ – Perguntas e respostas

Que roupas levar para a Argentina?

Muitas pessoas têm dúvidas quanto às roupas para se levar na bagagem. A resposta vai depender do destino escolhido e da estação do ano em que você vai viajar. Buenos Aires, por exemplo, tem as estações do ano mais definidas que o Brasil, com dias bem quentes no verão e gelados no inverno. Se você for viajar no verão, use e abuse das roupas mais leves. Evite sapatos desconfortáveis, pois você provavelmente vai ter que andar bastante. Agora, se você escolheu viajar no inverno, o indicado é se vestir em camadas, pois muitos estabelecimentos têm aquecimento. Caso você tenha escolhido um destino mais frio, como Ushuaia ou Bariloche, você precisará de casacos mais quentes e pesados. O uso de roupas estilo segunda pele por baixo da roupa também é indicado. E você também encontrará diversas lojas de roupas de inverno e lojas de aluguel de roupas para neve. E se você for praticar algum esporte ou atividade ao ar livre, é importante que as suas roupas sejam as mais confortáveis possíveis.

Quais documentos obrigatórios para a Argentina?

Para viajar para a Argentina não é necessário visto. O único documento necessário é o RG ou o Passaporte. A CNH não substituiu o RG, inclusive se você não tiver a intenção de viajar para a Argentina de carro ou mesmo alugar um carro no país, pode deixar a CNH em casa. A Certidão de Nascimento também não substitui o RG. O importante é que o documento esteja com a foto atualizada (RG com foto de criança não vale) e que o Passaporte esteja dentro do prazo de validade. Estrangeiros que moram no Brasil precisam da Cédula de Identidade de Estrangeiro e é bom também levar um documento de identificação do país de origem. Menores de 18 anos desacompanhados dos pais precisam de uma autorização judicial para que possam viajar desacompanhados. E no caso de o menor estiver desacompanhado de um dos pais, é necessário que o outro genitor autorize.

Quanto custa uma viagem para a Argentina?

Os preços de uma viagem para a Argentina vão depender de diversos fatores como a época escolhida, se é alta ou baixa temporada, entre outros. O mês mais barato para se viajar para Buenos Aires é agosto. Você pode encontrar passagens aéreas para Buenos Aires com preços a partir de R$ 828,00, reservas de hotel a partir de R$ 200,00 e gastos diários médios em R$ 300,00.

Que moeda levar para a Argentina?

A moeda oficial da Argentina é o Peso Argentino, mas dependendo do lugar em que você for, muitos estabelecimentos também aceitarão o Dólar e o Real. Porém não é aconselhado levar a moeda brasileira dependendo da conversão.

Avatar
Thiago Cesar Busarello

Thiago Busarello é autor e criador do Vida de Turista, no qual adora viajar e falar do assunto de turismo e viagens, compartilhando dicas e informações de viagens com os leitores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SUA VIAGEM COMEÇA AQUI!

  • Se quiser viajar para o paraíso, o Zarpo tem os melhores pacotes de viagem em resorts e hotéis de tirar o fôlego.
  • Para encontrar a passagem aérea com o menor preço do mercado, não deixe de consultar o site da MaxMilhas que consulta os preços em várias companhias aéreas!
  • Reserve diárias de hotel no mundo inteiro de maneira prática e segura no Booking.com, com opção de cancelamento grátis e sem precisar pagar antecipadamente!
  • Precisa de aluguel de carro? Na RentCars o pagamento é feito em reais, sem cobrança de IOF parcelado sem juros no cartão ou com 5% de desconto no boleto.
  • E não esqueça do seguro viagem. Na Seguros Promo você usa o cupom VIDADETURISTA5 e ganha desconto de 5% na compra.
  • Para os passeios, ingressos para tours, shows e entradas em museus você pode contar com a Get Your Guide em vários lugares do mundo.
  • Com o cupom VIDADETURISTA da América Chip você ganha 5% de desconto na compra de um chip internacional para viajar conectado o tempo todo.

Ao fazer uma compra com um parceiro através do blog recebemos uma pequena comissão. Ninguém paga a mais por isso e de quebra ajuda o blog a trazer sempre artigos e novidades atualizadas. Obrigado! =)

Open chat