BAIXE GRÁTIS NOSSO KIT DE PLANEJAMENTO DE VIAGEM! CLIQUE AQUI!

África

Conhecer a África é um sonho para muitas pessoas e não é à toa. O continente possui atrações turísticas para todos os gostos, cidades incríveis, paisagens naturais maravilhosas, uma cultura muito rica e muito mais. Porém, assim como para qualquer outra viagem internacional, é necessário muito planejamento e pesquisa antes de começar a fazer as malas. Saiba mais sobre esse maravilhoso continente a seguir:

Principais regiões turísticas

A África é um imenso continente, o terceiro maior do mundo em extensão e um dos maiores em população. O continente é conhecido por sua pluralidade étnica e sua grande biodiversidade. O continente africano foi dividido em quatro principais regiões, cada uma com suas particularidades. Saiba mais sobre cada uma delas a seguir:

Norte da África

A região do Norte da África, também conhecida como África Setentrional, é a região onde se concentram alguns dos destinos mais famosos do continente. A região foi berço de importantes civilizações, como os egípcios e os fenícios e reúne belas paisagens naturais, cidades incríveis, atrações com grande importância histórica e muito mais.

O Egito é um dos países mais visitados do Norte da África e não é para menos. O país, berço de uma das civilizações mais importantes do mundo antigo, é repleto de atrações que dispensam apresentações. Quem nunca desejou conhecer as famosas Pirâmides do Egito, a Esfinge de Gizé, a cidade de Alexandria, as ruínas de Luxor e o Rio Nilo, não é mesmo?

O Marrocos é mais um destino da África Setentrional repleto de atrações e cidades turísticas realmente impressionantes. A cidade de Marrakesh, por exemplo, já foi considerada como uma das melhores cidades turísticas do continente africano diversas vezes e não foi à toa: a cidade impressiona por suas belas construções, sua cultura, sua gastronomia e muito mais. Além de Marrakesh, vale apena conhecer a cidade de Casablanca, Fez e Xexuão.

A Tunísia também é um destino realmente impressionante. O país possui diversas atrações além das belíssimas praias pelas quais ele ficou famoso entre os turistas. Vale a pena conhecer as ruínas do império romano, visitar as dunas do Deserto do Saara, conhecer a capital do país, a linda cidade de Túnis, e também a bela cidade de Sousse.

África Ocidental

A região da África Ocidental é conhecida por suas florestas e savanas. A região é composta pelos países Benin, Burkina Faso, Cabo Verde, Costa do Marfin, Gabão, Gâmbia, Gana, Guiné, Guiné-Bissau, Libéria, Mali, Mauritânia, Niger, Nigéria, Senegal, Serra Leoa e Togo.

Por muito tempo, os países da região da África Ocidental foram esquecidos pelos turistas. Felizmente, isso vem mudando. A Costa do Marfim, por exemplo, vem investindo bastante em infraestrutura e hoje em dia é um dos países mais desenvolvidos da região. O país é rico em belezas naturais como as suas praias e florestas tropicais. Vale a pena visitar a cidade de Grand-Bassam e o Parque Nacional de Tai.

Quem gosta de cidades grandes com vida noturna agitada certamente vai gostar de Abidjan, a principal cidade do país. É na Costa do Marfim que se localiza a maior basílica do mundo, a Basílica de Yamoussoukro dedicada à Nossa Senhora da Paz. Ela é maior até que a Basílica de São Pedro, localizada em Roma.

Outro destino turístico localizado na África Ocidental que vem conquistando os corações dos turistas é o arquipélago de Cabo Verde. Cada uma das suas dez ilhas possui diferentes atrações para os turistas. A mais famosa entre os turistas é a Ilha do Sal, destino perfeito para quem deseja pegar uma praia e descansar. Além da Ilha do Sal, outras ilhas também merecem destaque como a Ilha de São Tiago e a Ilha de Santo Antão, que muitos dizem ser a mais bonita do arquipélago.

África Central

Localizada no centro do continente africano, a região da África Central é composta pelos países: Angola, Burundi, Camarões, Chade, Gabão, Guiné Equatorial, República Centro-Africana, República Democrática do Congo, República do Congo, Ruanda e São Tomé e Príncipe. A região ainda não é muito popular entre os turistas brasileiros, mas possui diversas atrações que merecem ser conhecidas.

Um dos destinos mais populares da região da África Central é Camarões, que é conhecido por suas muitas belezas naturais, como as suas florestas, suas praias, suas montanhas, desertos e savanas. O Monte Camarões, o ponto mais alto da região, é o lugar perfeito para quem gosta de escaladas e ainda deseja aproveitar a linda vista do local. Aproveite também para visitar os parques nacionais da região, como o Parque Nacional Waza e o Balneário de Kribi.

África Austral

A África Austral, ou África Meridional como também é conhecida, está localizada ao Sul do continente africano e é composta pela África do Sul, Botswana, Lesoto, Madagascar, Malawi, Maurícia, Moçambique, Namíbia, Essuatíni, Zâmbia e Zimbábue. É uma das regiões do continente mais procuradas para fazer turismo, pois a região possui diversas atrações que prometem agradar aos mais diversos estilos de viajantes.

Um dos principais destinos não somente da região da África Austral, mas do continente africano é a África do Sul. O país é um dos mais desenvolvidos do continente e possui uma infinidade de atrações que prometem agradar aos mais diversos estilos de viajantes. Os principais destinos turísticos do país são as cidades de Johannesburgo, a Cidade do Cabo e a cidade de Porto Elizabeth.

Uma boa dica para quem está planejando viajar para a África Meridional é aproveitar para conhecer um ou mais países da região. Se você está planejando viajar para a África do Sul, por que não colocar Lesoto ou a Zâmbia no seu roteiro? A Zâmbia, aliás, é conhecida por suas incríveis paisagens naturais. Perfeito para quem deseja conhecer diversos parques e reservas naturais.

Principais cidades turísticas

Cidades turísticas não faltam no continente africano. O continente possui diversos destinos turísticos maravilhosos e que certamente proporcionarão experiências únicas e inesquecíveis a quem tiver a sorte de conhecê-los. Saiba mais sobre as principais cidades turísticas da África a seguir:

Cidade do Cabo

Um dos destinos mais famosos da África do Sul, a Cidade do Cabo reúne diversas atrações que prometem agradar aos mais diversos estilos de viajantes. Difícil não se impressionar com essa cidade linda, com uma cultura tão rica e cheia de cor e vida! A cidade é um excelente destino turístico para quem deseja pegar uma praia, aproveitar a noite, fazer trilhas e muito mais.

Um dos principais pontos turísticos da cidade é a famosa Table Mountain. Você pode subir até o alto da montanha de diversas formas, as mais comuns são as trilhas e o bondinho, entretanto, as trilhas são bem íngremes, mas todo o esforço é recompensado lá de cima com aquela vista maravilhosa da cidade. Um bom passeio para fazer com a família. Importante, porém, ressaltar que em dias de vento muito forte, a montanha é fechada. Consulte sempre as condições climáticas antes de ir.

Bem próximo à Table Mountain está localizado o Signal Hill, um dos muitos lugares bons para se apreciar o belíssimo pôr do sol na Cidade do Cabo. Um excelente lugar para quem deseja fazer um piquenique enquanto aprecia uma vista de tirar o fôlego e sem gastar muito, afinal, a entrada é gratuita. Vale a pena conhecer.

Impossível falar em turismo na Cidade do Cabo e não falar sobre as suas maravilhosas praias, não é mesmo? Não deixe de conhecer a Camps Beach, a praia mais famosa da cidade. A praia é conhecida por suas águas cristalinas (e geladas) e também por ser um excelente local para admirar o pôr do sol e observar a famosa formação rochosa conhecida como Os Doze Apóstolos.

Não deixe de conhecer também o centro da Cidade do Cabo. A cidade possui um centro bem agradável de caminhar, com diversos bares, pubs, cervejarias e restaurantes. Além disso, é no centro da cidade que se localizam diversos pontos turísticos como a lindíssima Catedral de São Jorge, o Castelo da Boa Esperança e o planetário e o Museu da África. Quem gosta de fazer umas comprinhas certamente vai gostar de dar uma volta pela Longstreet.

Você sabia que a África do Sul produz excelentes vinhos? A Cidade do Cabo possui uma grande variedade de vinícolas e é possível fazer visitá-las e até mesmo fazer uma degustação. Passeio para enófilo nenhum botar defeito! As vinícolas mais famosas da cidade são a Spice Route, a Groot Constantia e a Tokara.

Outro ponto turístico bastante famoso da cidade é a Robben Island, local em que foi preso o líder sul-africano Nelson Mandela. Importante ressaltar que um passeio à ilha é algo bastante disputado e por essa razão, se você quiser conhecer a Robben Island, é necessário comprar os ingressos com antecedência.

Impossível falar em turismo na Cidade do Cabo e não falar da zona portuária mais famosa da cidade e que com certeza merece uma visita, a Waterfront. A área conta com diversos hotéis, shopping centers, restaurantes, bares e muto mais. Vale destacar que a região é uma das mais seguras da cidade e certamente uma das mais queridas pelos turistas.

Cairo

A capital do Egito, a cidade do Cairo, é a maior cidade do continente africano e também um dos principais destinos turísticos do continente e do mundo, afinal, quem nunca sonhou em conhecer as famosas pirâmides do Egito, não é mesmo? Entretanto, a cidade infelizmente possui diversos problemas como a poluição e a pobreza de seus moradores. Fazer uma viagem para a cidade é uma experiência incrível e enriquecedora, mas é necessário muito planejamento.

Quando se fala em turismo no Egito, a primeira imagem que vem à mente é a das famosas Pirâmides de Gizé, não é mesmo? Ao contrário do que muitas pessoas imaginam, as atrações não estão isoladas no meio do deserto e é relativamente fácil chegar até elas. O complexo turístico possui três pirâmides: Quéops, Quéfren e Miquerinos. Além das pirâmides a icônica Esfinge de Gizé também está localizada no complexo. As Pirâmides de Gizé foram consideradas como uma das Sete Maravilhas do Mundo Antigo, e são as únicas de pé até hoje.

É no Cairo que está localizado um dos melhores museus de todo o Egito: o Museu Egípcio. O local possui um impressionante acervo com mais de 130 mil itens como múmias muito bem preservadas, sarcófagos, papiros, objetos usados pelos faraós e muito mais. Um excelente passeio para aqueles que se interessam pela história do antigo Egito.

A capital egípcia também possui excelentes opções para quem deseja comprar artesanatos e souvenires. Se esse for o seu caso não deixe de visitar o Khan El-Khalili Bazaar, um dos bazares mais famosos do país em que é possível encontrar de tudo, desde roupas, tapetes, tecidos, objetos de decoração e até mesmo alimentos. Entretanto, é bom prestar bastante atenção no que você come.

Não deixe de conhecer a Citadela, local onde funcionou por muitos anos a sede do governo egípcio e que hoje é considerado como um dos pontos turísticos mais interessantes da capital do Egito. Dentro dela há diversas construções centenárias que, sem dúvida alguma, merecem ser visitadas. Se você quiser ter uma vista privilegiada da cidadela histórica e de mais outros pontos da cidade, vale a pena visitar a Torre do Cairo.

Conhecer o Rio Nilo é mais um passeio “obrigatório” da cidade. Você pode inclusive fazer um passeio de barco por ele ou então alugar uma felluca, um tradicional barco egípcio. Não deixe de conhecer o bairro Zamalek e aproveitar para admirar o rio.

Outras atrações da cidade que merecem destaque são: o Mosteiro de São Simão, a Mesquita de Muhammad Ali e a Mesquita de Al Azhar.

Marrakesh

A cidade de Marrakesh, destino marroquino mais popular entre os turistas, tem muito a oferecer. A cidade, conhecida como a Cidade Vermelha, possui lindíssimas construções, atrações turísticas para todos os gostos, uma cultura riquíssima, sabores surpreendentes e muito mais. Conhecer a cidade é, sem a menor sombra de dúvidas, uma experiência única e enriquecedora.

Impossível falar sobre turismo em Marrakesh e não citar sua mais famosa atração, a cidade de Medina (ou Almedina), uma parte do centro urbano cercado por muros em que não passam carros. Na Medina há várias opções de hospedagem, restaurantes, lojas, mesquitas e muito mais. Um excelente lugar para fazer um longo passeio, provar novos sabores e comprar os souvenires da viagem.

Não perca a oportunidade de conhecer o Jardim Majorelle, um imenso jardim com plantas de várias partes do mundo e diversas obras de arte de seu idealizador, o artista francês Jacques Majorelle. Após a morte de Majorelle, o jardim ficou por muito tempo abandonado até que o estilista francês Yves Saint-Laurent comprou e restaurou o local. Dentro do jardim estão localizados dois museus: o dos povos beberes e o de Yves Saint-Laurent.

Outra atração turística muito famosa de Marrakesh é o Souq Semmarine, famoso mercado cheio de lojinhas e barracas em que é possível encontrar de tudo. Roupas, tecidos, artesanatos e muito mais. Uma curiosidade interessante é que algumas cenas da novela O Clone foram gravadas nesse mercado.

Não perca a oportunidade de conhecer a Praça Jemaa El Fna, uma das atrações mais interessantes da cidade. A praça está localizada no coração de Marakesh e foi considerada como Patrimônio Oral e Imaterial da Humanidade pela UNESCO. Se há algum lugar que consegue traduzir o espírito da cidade, é esta praça.

Outras atrações da cidade que merecem destaque são: o Bahia Palace, as Tumbas Saadianas, o El Badi Palace e a Mesquita Kotoubia.

Fez

A cidade de Fez, a segunda maior cidade do Marrocos, também vem ganhando os corações dos turistas. A cidade possui um ar mais tradicional, perfeito para quem deseja conhecer de fato a cultura marroquina. Atrações também não faltam, pois, a cidade é enorme. Só para você ter uma ideia, a cidade possui 300 mesquitas. A cidade, apesar de encantadora, não é das mais fáceis de se conhecer sozinho. Cuidado para não se perder. Vale ressaltar também que a cidade é mais cara que Marrakesh.

A Fez El Bali, também conhecida como Medina de Fez, é atração mais famosa da cidade. A atração foi declarada como Patrimônio Cultural pela UNESCO no início da década de 1980 e é formada por 18 bairros e mais de 1500 vielas. O local possui diversos mercados a céu aberto em que você pode encontrar roupas, artesanatos e alimentos. Outra atração muito famosa do local é a universidade mais antiga do mundo em funcionamento: a Universidade al Quaraouiyne. Porém, ela só pode ser visitada por muçulmanos.

Você provavelmente já deve ter visto em algum lugar (provavelmente na novela O Clone) um dos mais famosos cartões-postais de Fez, o Curtume Chouara. Ele foi inaugurado no século XI e funciona até hoje. Um aviso àqueles que pretendem visitar a atração: o cheiro é bem ruim. Por esse motivo ramos de hortelã são distribuídos aos visitantes.

Outros pontos turísticos de Fez que também merecem destaque: a Praça Seffarine, a rua Talaa Kebira, a fonte e o museu Nejjarine e a Rainbow Street Art.

Maputo

A capital de Moçambique, a cidade de Maputo, por muito tempo não foi considerada como uma cidade turística devido a tudo que o país sofreu no passado. Felizmente o país está se recuperando e o enorme potencial turístico da capital moçambicana vem sendo cada vez mais explorado. A cidade tem muito a oferecer aos seus visitantes como praias paradisíacas, cultura riquíssima, gastronomia surpreendente e muito mais. Além de, é claro, ser ponto de partida para muitos parques nacionais em que as pessoas fazem os famosos safaris.

Não deixe de conhecer o centro da cidade. Aproveite para observar os belos edifícios de arquitetura colonial e, além disso, grande parte dos hotéis e dos melhores bares e restaurantes estão localizados no centro da cidade. Maputo também é conhecida por sua vida noturna agitada, perfeita para quem gosta de uma boa festa.

A Praça da Independência é outra atração importante da capital moçambicana. É nela que se encontra um dos mais belos edifícios da cidade, a Câmara Municipal. Em frente à Câmara está localizada a estátua de um dos heróis da independência. Aproveite também para conhecer outros importantes pontos turísticos da cidade bem próximos à praça: a Casa de Ferro e o Jardim Botânico.

Você sabia que Maputo tem uma das mais belas estações ferroviárias do mundo? A Estação Central dos Caminhos de Ferro foi eleita como a terceira estação ferroviária mais bonita do mundo pela Times e chama a atenção pela sua imponente construção. O interior da estação também impressiona pela sua construção e pelas suas antigas locomotivas. Não deixe de conhecer o museu que funciona no local. Bem próxima à estação está localizada a Fortaleza Nossa Senhora da Conceição, outra importante atração da cidade.

Passear pelas tradicionais feirinhas de artesanato é uma das partes mais gostosas de uma viagem, não é mesmo? Se você é daqueles que não perdem a oportunidade de visitar essas feirinhas, comprar souvenires, provar da culinária local e muito mais não deixe de conhecer a FEIMA, a Feira de Artesanato, Flores e Gastronomia de Maputo. Visite também o Bazar Municipal, ou Mercado Municipal.

Reserve ao menos dois dias para conhecer Inhaca, um belíssimo arquipélago localizado a cerca de 40 km da capital. O belíssimo arquipélago conta com praias paradisíacas que encantam aos seus visitantes com aquela água azul e morna e as areias bem brancas. A Ilha da Inhaca não conta com muita estrutura para receber o turista, mas isso está longe de ser um defeito, ao contrário: torna tudo até mais especial.

Impossível falar sobre turismo em Moçambique sem citar a famosa Reserva Especial de Maputo, uma reserva natural incrível localizada a apenas uma hora da capital onde é possível observar paisagens incríveis da savana africana e fazer um safári. É possível fazer o safári de forma autônoma, mas não é o mais recomendado. A opção mais segura é sem dúvidas contratar um tour.

Outras atrações turísticas que merecem destaque são: Museu de História Natural, a Catedral de Maputo, a Igreja de Santo Antônio da Polana, a ilha Xefina Grande e a ilha Xefina Pequena.

Maputo é um dos países da África onde é possível fazer os famosos safáris africanos
Maputo é um dos países da África onde é possível fazer os famosos safáris africanos

QUAL O MELHOR SEGURO DE VIAGEM PARA VOCÊ?










Nairóbi

O Quênia é um dos principais destinos turísticos do continente africano, muito popular entre aqueles que desejam conhecer de perto as savanas africanas, fazer diversas atividades em meio à natureza surpreendente, fazer safáris e muito mais. Entretanto, sua capital, Nairóbi, muitas vezes é deixada de lado quando o assunto é turismo. Felizmente essa realidade vem mudando aos poucos e o potencial turístico dessa cidade vibrante vem sendo descoberto.

Nairóbi não é exatamente uma cidade turística. Ela tem sim alguns pontos turísticos bastante interessantes, mas a verdade é que ela é vista mais como um ponto de partida para os parques nacionais. Um dos principais pontos turísticos da capital queniana é o Nairóbi National Park, o primeiro parque nacional do Quênia e único parque nacional do mundo localizado próximo a um grande centro urbano. É como se fosse um “mini safari”.

Visite também o Masai Market, um mercado em que é possível encontrar os mais diversos tipos de artesanato. Um excelente lugar para comprar souvenires e lembrancinhas da viagem.

O Orfanato de Elefantes David Sheldrick é um orfanato e centro de reabilitação de elefantes órfãos que é referência mundial desde 1977. Nele estão abrigados cerca de 30 animais que podem ser vistos bem de perto dependendo do horário. Visite também o Giraffe Center, um centro que abriga girafas, oferece cuidados aos animais e depois as devolvem à natureza. No local é permitido interagir com os animais.

Zanzibar

Zanzibar é um lindo arquipélago localizado na Tanzânia. Esse pedaço de paraíso em meio ao Oceano Índico é dividido em duas ilhas: Unguja e Pemba. Vale ressaltar que as ilhas são enormes e que dificilmente uma pessoa conseguiria conhecer todas as suas principais atrações em pouco tempo. O indicado é você reservar ao menos cinco dias para conhecer o arquipélago.

A praia mais famosa de Zanzibar entre os turistas é a praia de Nungwi. Impossível não se encantar com suas águas azuis turquesa e suas areias brancas. Há muito que fazer em suas margens também. Bem pertinho da praia estão localizados excelentes hotéis, bares, restaurantes e muito mais.

Vale a pena dar uma volta por Stone Town, o centrinho para lá de charmoso da ilha. Aproveite para observar as influências árabes, europeias e indianas em suas construções. No bairro também há diversas lojinhas, ruelas charmosas, restaurantes e muito mais. Não deixe de tirar uma tarde para conhecer esse bairro, que foi considerado como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Os fãs de kitesurf e demais esportes aquáticos provavelmente adorarão conhecer a praia de Pingwee. A praia é bem menos movimentada e menos turística que a Nungwi, perfeita para quem deseja curtir uma praia com mais tranquilidade. Não deixe de conhecer suas famosas piscinas de areia.

Como chegar à África

Passagens aéreas

A maneira mais comum de se chegar à África é o avião. Você pode encontrar passagens aéreas para o continente com preços a partir de R$2.500,00, mas é claro que os preços podem variar de acordo com o destino escolhido, companhia aérea, época do ano, entre outros fatores. Uma boa dica para quem deseja economizar é procurar sites que trocam suas milhas por passagens.

As principais companhias aéreas que fazem voos do Brasil para a África são: LATAM Airlines Group, South African Airways e Avianca Brasil.

Caminho terrestre

Também é possível viajar pela África por terra. Alguns países possuem excelentes opções de transporte público, como a África do Sul, por exemplo. Você já pensou em viajar de trem pela África? Pois saiba que na região Sul do continente é possível ter uma incrível experiência viajando a bordo dos luxuosos Blue Train e Rovos Rail.

Você já pensou em fazer um overland tour? Pois saiba que é uma excelente opção para aqueles viajantes que desejam visitar lugares diferentes de uma maneira segura e prática, pois não será necessário se preocupar em reservar acomodações e organizar roteiros e etc. Uma viagem pelas estradas africanas com bastante conforto.

Viajar de ônibus também é uma opção para quem deseja conhecer outras cidades e até mesmo outros países próximos ao destino escolhido. Entretanto, a viagem será bem mais demorada e vale ressaltar que a maioria dos ônibus são bem desconfortáveis e que o estado de conservação de algumas estradas não são muito bons.

Aluguel de carro

Alugar um carro na África também é uma opção para quem deseja conhecer outras cidades ao redor e também para aqueles que desejam se deslocar dentro do destino escolhido com maior liberdade, ir às compras e etc. Porém, alguns cuidados devem ser tomados como atenção à documentação exigida, por exemplo. Alguns países africanos também possuem a mão-inglesa, o que pode confundir um pouco. Alguns lugares são conhecidos por seu trânsito caótico e, nesses casos, alugar um carro não é a melhor opção.

Para alugar um carro no continente africano é necessário que você apresente a sua CNH, o seu Passaporte, o seu cartão de crédito internacional desbloqueado para compras no exterior e da sua PID.

Onde ficar na África

O continente africano possui diversas opções de hospedagem desde luxuosos resorts até pousadas mais simples e hostels. Nossas opções de hospedagem na África são:

Hotéis na África

Fountains Hotel – Cidade do Cabo: Situado no coração da Cidade do Cabo, o Fountains Hotel oferece aos seus hóspedes excelentes acomodações com serviço de quarto 24h, TVs via satélite, Wi-Fi e frigobar. Além disso, o hotel ainda possui piscina, estacionamento privativo, serviço de transfer do aeroporto, comodidades para hóspedes com mobilidade reduzida, um bar e um excelente café da manhã. O preço médio da diária para dois adultos é de R$660,00.

Adam Park Marrakech Hotel & Spa – Marrakech: Situado próximo aos Jardins de Agdal, o hotel oferece aos seus hóspedes excelentes acomodações com banheiro privativo, varanda, ar-condicionado e TV de tela plana via satélite. Além disso, o hotel ainda possui piscina, academia, spa, serviço de quarto e um excelente restaurante. Café da manhã incluso. O preço médio da diária para duas pessoas é de R$800,00.

Residencial Horizonte Deluxe – Maputo: Localizado no alto do bairro Alto Mae, o hotel oferece aos seus hóspedes acomodações com banheiro privativo e uma linda vista da cidade. Além disso, o hotel ainda oferece serviço de transfer para o aeroporto, estacionamento gratuito e Wi-Fi. Café da manhã incluso. O preço médio da diária para duas pessoas é de R$370,00.

Aluguel por temporada

Outra opção de hospedagem que vem se popularizando muito é o aluguel por temporada. Uma excelente opção para quem está viajando com amigos e deseja ter mais privacidade, liberdade de horários e se sentir em casa. O preço das diárias também costuma ser mais atraente. Você pode encontrar opções de hospedagem na África com diárias a partir de R$110,00.

Gastronomia da África

Provar da gastronomia de um país durante a viagem é uma das melhores experiências de uma viagem, não é mesmo? Provar da gastronomia de países com culturas milenares então além de ser uma experiência única ainda é uma forma para lá de saborosa de aprender mais sobre a cultura de um povo.

Impossível falar sobre a culinária de um continente tão grande como a África como se fosse uma coisa só porque essa não é a verdade. Cada região tem seu clima, seus ingredientes, seus costumes e tudo isso é refletido em seus pratos típicos. Na região norte, por exemplo, você vai encontrar diversos pratos feitos à base de cereais, frutas secas, carne de cordeiro, entre outros. Já mais ao sul, você vai encontrar pratos típicos feitos à base de tubérculos como a batata e o inhame. O consumo de peixes também é muito comum.

Um dos pratos africanos mais famosos é o couscous, também muito consumido no Brasil. Porém, o couscous africano é feito à base de trigo e não de milho como é mais comum aqui no Brasil. Não deixe também de provar do famoso Tagine, prato típico muito consumido na região norte do continente. Trata-se de um cozido com legumes e carne de frango ou cordeiro.

Um dos pratos mais populares do oeste africano, o Arroz Jollof é um arroz cozido em um caldo de tomate bastante temperado. O prato geralmente é servido com salada de repolho e banana-da-terra frita. Se você estiver viajando por Zanzibar, vale a pena provar do tradicional Mandazi, um delicioso bolinho frito muito parecido com o bolinho de chuva brasileiro. Para beber, não deixe de provar do tradicional Licor de Amarula.

Seguro Viagem

Para viajar para os países africanos não é obrigatório contratar um seguro de viagem. Entretanto, caso você esteja pretendendo fazer um safári, saiba que alguns parques exigem o seguro de saúde internacional na hora da compra. Mas, mesmo que você não esteja pretendendo fazer um safári, não é recomendado viajar para lugar nenhum sem antes contratar um bom seguro, afinal, ninguém está livre de uma emergência médica ou de ter um vôo cancelado ou uma bagagem extraviada.

FAQ – Perguntas e respostas

Que roupas levar para a África?

Uma dúvida muito comum é sobre quais roupas colocar na mala para uma viagem à África. Em primeiro lugar é necessário levar em consideração o destino para o qual você vai, a estação do ano em que você vai viajar e quais atrações você pretende visitar. Em alguns países, por exemplo, não é permitido que você visite determinados lugares se estiver usando roupas mais decotadas e justas. Além disso, se você estiver usando a roupa inadequada você ainda atrairá muita atenção e ninguém gosta disso. O melhor é dar preferência às roupas mais claras e confortáveis. Uma camiseta preta debaixo do sol definitivamente não é a melhor opção. Quanto aos sapatos, os mais confortáveis que houver. Lembre-se que você terá que andar bastante. Sapatos de salto somente se você for a um restaurante, festa ou evento mais sofisticado. Também não se esqueça de colocar capas de chuva, casacos impermeáveis e até mesmo um casaquinho mais fresco na mala. Durante o verão chove bastante. E, ao contrário do que muitos imaginam, faz frio na África, sim. Especialmente no inverno e se você estiver indo para o deserto, saiba que a temperatura costuma cair muito à noite. Também não se esqueça de colocar na bagagem roupas de banho, óculos de sol, protetor solar, chapéus, um lenço para cobrir os ombros quando for necessário, repelentes e hidratantes.

Quais documentos obrigatórios para África?

Para viajar à África é necessário que você tenha o seu Passaporte em dia com validade de, no mínimo, 30 dias após a data do retorno ao Brasil. Também é necessário apresentar o CIV contra a febre amarela e a vacina deve ser tomada com, no mínimo, 10 dias antes do embarque. Grande parte dos países africanos exige o visto de turistas brasileiros, com a exceção da África do Sul, Marrocos e Namíbia. Consulte sempre a documentação exigida para entrar no país para o qual você vai.

Quanto custa uma viagem para a África?

Impossível determinar com precisão quanto uma pessoa irá gastar em uma viagem para a África, pois isso dependerá de uma série de fatores como o preço das passagens, hospedagem, comida, entre outros. Uma viagem de uma semana para a Cidade do Cabo, na África do Sul, custa em média R$3.863,00 por pessoa.

Qual moeda levar para a África?

O mais recomendado é levar uma quantia em dólar e trocar pela moeda local quando já estiver no seu destino. Algumas casas de câmbio também aceitam o real. Leve também o seu cartão de crédito internacional desbloqueado para compras no exterior ou o seu cartão pré-pago.

Avatar
Thiago Cesar Busarello

Thiago Busarello é autor e criador do Vida de Turista, no qual adora viajar e falar do assunto de turismo e viagens, compartilhando dicas e informações de viagens com os leitores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat