Aniversário de São Paulo 2010 – 456 anos

A cidade de São Paulo está de aniversário de novo, agora para comemorar 456 anos. A maior cidade da América Latina sempre promete uma grande festa para comemorar com seu povo sua tradição, história e cultura.

A festa da cidade, com direito a shows de grandes bandas nacionais e vários outros eventos em paralelo, enche de pessoas na Avenida Paulista no dia 25 de janeiro.

E já que é feriado em São Paulo, quase o Brasil inteiro para, visto que a cidade é um dos principais pólos financeiros do país. Já o comércio da cidade comemora essa data, pois há muitos turistas que vêm pra região.

Infelizmente não vai ter (como também não teve em 2009) o tradicional bolo do bixiga, que é um bolo gigante, por falta de apoio financeiro e também pela falta de organização que aconteceu nos últimos anos.

Aniversário da cidade de São Paulo
Aniversário de São Paulo 2010 - 456 anos

Nesse ano de 2010, o aniversário de SP vai cair numa segunda-feira, prolongando o final de semana e esticando o feriadão, o que deve fazer com que muita gente aproveite também pra ir pro litoral curtir uma praia com o calor que tá fazendo esse ano.

E também é torcer para não chover!

Parabéns aos paulistanos!

Sua viagem começa aqui!

Reserve sua hospedagem em qualquer lugar do mundo de maneira rápida e segura, com opção de cancelamento gratuito e sem pagamento antecipado!

Precisa alugar um carro? Na RentCars a cobrança é feita em reais, sem IOF e em até 12x sem juros no cartão ou com 5% de desconto no boleto.

Se quiser viajar para o paraíso, o Zarpo tem os melhores pacotes de viagem.

E não esqueça do seguro viagem. Na Real seguro viagem o pagamento pode ser em até 6x sem juros no cartão ou com desconto de 5% no boleto.

Ao reservar com um parceiro através dos nossos links recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a se manter sempre atualizado com novas dicas de viagem. Obrigado! =)

Conteúdo relacionado

Thiago Cesar Busarello

Thiago Busarello é autor e criador do Vida de Turista, no qual adora viajar e falar do assunto de turismo e viagens, compartilhando dicas e informações de viagens com os leitores.

18 comentários em “Aniversário de São Paulo 2010 – 456 anos

  • 24/01/2010 em 05:08

    Bota falta de organização nisso!! Acho medonho como as pessoas atacam o bolo daquela maneira, a maior parte acaba sendo desperdiçada…

    Resposta
    • 25/01/2010 em 00:59

      É verdade Fê..
      Pelo que escutei e li a respeito essa era a principal reclamação do pessoal..
      E desperdício de comida desse jeito chega a ser ridículo mesmo..
      Só se inventassem de dar o bolo servindo nas mãos em forma de fila..
      Alguma idéia ou solução poderia ser bolada..
      Abraço..

      Resposta
    • 25/01/2010 em 01:43

      Olá Viagem Afora..
      É bom ter opiniões de quem já foi e viu..
      Como disse no comentário anterior, deveriam fazer algo diferente para não perder a tradição..
      Abraço..

      Resposta
  • 25/01/2010 em 05:54

    Concordo que a cena é ridícula. Mas o desperdício de comida não existe, pois todos que pegam o tal bolo são moradores de rua e pessoas com poucas condições, e eles comem o bolo.
    A fila e o bolo de mão em mão seria mesmo a melhor solução.

    Resposta
    • 25/01/2010 em 15:26

      Olá Daniel..
      Pois é.. Alguma solução poderia ser feita.. Perder tradições assim fica chato..
      O problema do desperdício acredito que era mais quando caía no chão ou então faziam guerra de chantili com o que sobrava nas mesas..
      Abraço..

      Resposta
  • 25/01/2010 em 15:38

    Típicos comentários de quem não tem muito o que falar e então fala mal; pessoal essa “comemoração” é uma tradição, seja ela mal organizada ou não. E sobre a questão do desperdício, creio eu que uma mínima parte do tal bolo é desperdiçada, mas a maior parte do mesmo é aproveitada, uma vez que as pessoas que “pegam” o bolo são como o Sr. Daniel Pinheiro disse, moradores. Então antes de tudo muito respeito as tradições, mas é claro que não as confundindo com os dogmas…

    Resposta
    • 26/01/2010 em 09:50

      Lucas..
      Essa é a questão..
      Manter a tradição sem haver desperdícios..
      Abraço..

      Resposta
  • 25/01/2010 em 15:54

    O Bolo do Bixiga

    Eu sou defensor do Bolo do Bixiga no aniversário da cidade de São Paulo, atendendo o projeto ” Bolo no Prato “. Por fim no avançar e atacar o Bolo. Abaixo a selvageria. A nossa querida São Paulo precisa dar bons exemplos para a sua gente e para o povo do Brasil. Eu sou uma das pessoas que lutam pelo projeto ” BOLO NO PRATO “. Parabéns São Paulo.
    Monsueto Araujo de Castro

    Resposta
    • 26/01/2010 em 09:52

      Olá Monsueto..
      Assino embaixo também.. Bolo no prato é a melhor solução..
      E como você mesmo disse, São Paulo é referência, principalmente na cultura, pra várias cidades..
      É bom ser exemplo..
      Abraço..

      Resposta
  • 25/01/2010 em 21:05

    Infelizmente vejo ao vivo o Bolo do Bixiga. É uma desorganização enorme, sujeira imensa fica nas calçadas e via também é um crime. Os moradores da região depois da festa passam a ter um numero maior de insetos e ratos atraídos pelos restos de alimento. Deveriam organizar melhor, colocar lixeiras, limpar a rua após a suposta festa e servir o bolo embrulhado.
    Quem vai a festa são pessoas do bairro e moradores de rua. Vale informar para quem não conhece o Bixiga : ” Existe no bairro um dos maiores contrastes sociais da Cidade. Imóveis de altíssimo padrão ao lado de cortiços. O bairro é tombado o que prejudica e muito seu desenvolvimento, pois as construções antigas estão transformadas em cortiços feios e sujos”
    As autoridades competentes que vão pedir votos neste ano, mas não fazem nada, para melhorar a situação do bairro que já foi ponto turístico de São Paulo.

    Tradição não existe faz tempo!!!! Alias este ano se tocaram 1 ou 2 musicas italianas foi muito, a seleção de musicas que escutei foi de forró. Então gostaria que o Sr. Walter Taverna diga qual é a tradição defendida pela sua Associação no bairro do Bixiga, que era basicamente ocupado por imigrantes italianos.

    Resposta
    • 26/01/2010 em 09:54

      Olá Rita..
      O ponto da organização da festa em comer o bolo é outra coisa importante..
      Como você disse, se tradição não existe mais, que seja feito algo para voltar a tradição, mas com organização, seja na distribuição do bolo, seja na limpeza das ruas..
      Abraço..

      Resposta
  • 26/01/2010 em 17:15

    Adorei o entretenimento da UOL onde relatou a participação da drag queen Tchaka no aniversário de São Paulo esse ano.
    Obrigada sempre pela cobertura da imprensa por onde a Tchaka vai.
    Bjs doces.
    Tchaka.

    Resposta
    • 27/01/2010 em 15:17

      São Paulo é uma cidade aberta a todos mesmo..
      Abraço..

      Resposta
  • 27/01/2010 em 19:02

    O bolo do Bixiga,deveria ser vendido aos pedaços,e parte da renda seria destinada ao proximo bolo e parte a pessoas carentes,pois do jeito que estava era nojento ver como pessoas se comportavam,imaginem essa imagem no exterior……………..que exemplo não?

    Resposta
    • 29/01/2010 em 15:21

      Olá Sussu..
      Também é uma idéia interessante, onde acaba se dando muito mais valor ao bolo, visto que seria pago..
      Abraço..

      Resposta
  • 25/01/2011 em 15:03

    Eu como paulistano, me sinto ofendido ao ver todo santo ano essa demonstração de falta de respeito, protagonizada por essas pessoas que após aparecerem na tv, jogam fora o bolo.

    Eu defenderia a continuidade do bolo, porém se seus pedaços fossem vendidos e seu valor repassado a instituições de caridade.

    Resposta
  • 23/01/2015 em 01:35

    Drag Queen Tchaka é reconhecida pelos paulistanos mais exigentes como a rainha dos eventos e festas mais badalados da cidade com experiência em entreter multidões a drag queen Tchaka participa como convidada pela comunidade do bairro Bixiga para ser uma das madrinhas do bolo de aniversário de São Paulo 641 anos

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *