Turismo em debate: Acessibilidade para turistas especiais

O tema do turismo em debate dessa vez é sobre acessibilidade. Tema focado para pessoas especiais fazerem turismo pelo Brasil e pelo mundo.

Recentemente estive fazendo fisioterapia para tratar de uma tendinite no braço direito e vi muitas pessoas tratando de lesões, fortalecendo a musculatura e outras patologias físicas, no qual me fez refletir em como os destinos turísticos estão despreparados para receber essas pessoas.

Nas viagens que fiz foram poucos os lugares que vi que tiveram essa preocupação e aqueles que tiveram ou estavam mal conservados ou as pessoas estavam despreparadas para lidar com a situação.

Começando pelos aeroportos, vemos o caso dos guichês das cias aéreas. Na hora de fazer o check-in, o tamanho dos balcões é enorme prejudicando o atendimento de cadeirantes.

Na hora de ir para o embarque é difícil encontrar rampas de acesso para os aviões ou em portões de entrada/saída ou alfândega.

Escutei na Voz do Brasil que a ANAC está agindo sobre o assunto. É o caso da discussão de revisão da norma sobre os procedimentos relativos à acessibilidade de Passageiros com Necessidade de Assistência Especial (PNAE). Em breve deverão existir melhoras nos aeroportos nesse sentido, mas até lá existirão dificuldades.

Guichê cia aérea
Guichê cia aérea

Para os turistas especiais, vale lembrar que na hora de comprar sua passagem aérea deve ser informado que necessita de atendimento especial. Existe uma série de categorias cadastradas, no qual deve se escolher aquela que se encaixa à sua necessidade.

Acessibilidade em cidades turísticas

Dentro das cidades turísticas, uma das coisas comuns de se encontrar e que facilitam a vida de cadeirantes, idosos e outros são as calçadas com rampas. Também existem aquelas com lajotas em alto relevo para pessoas com deficiência visual. São ações simples para um município que ajudam muito.

Balneário Camboriú, Recife e Florianópolis são exemplos, no qual notei que havia rampas em cada esquina nos pontos turísticos e eram rampas bem destacadas para o pessoal abrir caminho. Ponto para essas cidades ao receberem melhor seus turistas especiais.

Acessibilidade
Acessibilidade

Mas ficar só nisso não basta. Tem de ter acesso aos parques, acesso aos monumentos, acesso às praças, acesso às praias, acesso aos passeios e tudo mais que hoje não é visto por aí.

Assim como devem existir hotéis com quartos especiais, transporte terrestre preparado, banheiros públicos e pessoal qualificado para atender turistas com necessidades. Ou seja, é um longo caminho.

Acessibilidade para turistas especiais
Acessibilidade para turistas especiais

No momento há os Jogos Paralímpicos em continuidade aos Jogos Olímpicos de Londres, no qual os atletas do Brasil vêm dando show ganhando uma série de medalhas e mostrando muita garra e superação.

Que os jogos sirvam para abrir a mente de governantes e empresas do setor de turismo no incentivo e cuidado aos nossos turistas especiais promovendo acesso, incentivos e cobrando de governantes ações focadas nesse meio.

Abraço!

Sua viagem começa aqui!

Reserve sua hospedagem em qualquer lugar do mundo de maneira rápida e segura, com opção de cancelamento gratuito e sem pagamento antecipado!

Precisa alugar um carro? Na RentCars a cobrança é feita em reais, sem IOF e em até 12x sem juros no cartão ou com 5% de desconto no boleto.

Se quiser viajar para o paraíso, o Zarpo tem os melhores pacotes de viagem.

E não esqueça do seguro viagem. Na Real seguro viagem o pagamento pode ser em até 6x sem juros no cartão ou com desconto de 5% no boleto.

Ao reservar com um parceiro através dos nossos links recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a se manter sempre atualizado com novas dicas de viagem. Obrigado! =)

Conteúdo relacionado

Thiago Cesar Busarello

Thiago Busarello é autor e criador do Vida de Turista, no qual adora viajar e falar do assunto de turismo e viagens, compartilhando dicas e informações de viagens com os leitores.

3 comentários em “Turismo em debate: Acessibilidade para turistas especiais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *