Taxista – Profissão turismo

Em mais um post da série de artigos sobre as profissões no mundo do turismo, vamos falar hoje da profissão de taxista.

O grande objetivo do taxista é levar seus passageiros de um lado para outro através de viagens de carro que são chamadas de corridas de táxi. Os táxis são identificados por letreiros em cima dos carros, por adesivos nas laterais do carro e até mesmo pela cor padrão do carro.

O taxista é um profissional muito procurado pelos viajantes principalmente pela facilidade e conforto no transporte, que acontece em momentos como do aeroporto até o hotel ou de pontos turísticos até outros. Muitas vezes é o único meio de transporte quando se viaja de avião e quando a cidade não tem infraestrutura suficiente para levar os turistas até os pontos turísticos.

Esses profissionais são grandes conhecedores da sua cidade e a percorrem de um canto a outro. Não é impeditivo de eles levarem clientes para outras cidades e até outros estados, mas eles não podem pegar os clientes fora de sua jurisdição.

Importante mencionar que a profissão taxista também pode ser considerada uma profissão de risco por trabalhar muitas vezes de noite correndo o risco de ser assaltado, assim como por pegar todo o tipo de pessoas e por estar no trânsito o tempo inteiro correndo risco de acidentes de trânsito.

Profissão taxista
Profissão taxista

Como trabalhar como taxista

Para trabalhar como taxista não é necessária formação superior, porém quanto mais capacitado o profissional, melhor atende seus clientes, principalmente na indicação de lugares para visitar na cidade, na indicação de restaurantes, na prestação de informações úteis sobre os pontos turísticos da cidade, e assim por diante. Assim como a qualificação em um segundo idioma, como o inglês, permite ao taxista melhor atender turistas estrangeiros.

Entre outras qualificações, entendo que o taxista precisa ter empatia, ser simpático, comunicativo, saber dirigir e gostar de dirigir para prestar um bom atendimento.

Para essas qualificações podem ser buscados cursos de taxista que ensinam relações humanas, direção defensiva, primeiros socorros, legislação taxista, mecânica básica e elétrica básica. Uma sugestão de curso é o da LM Cursos de Trânsito.

Para ser taxista também é preciso informar que o taxista profissional é regulamentado pela Lei 12468/11 e que precisa cumprir regras para poder exercer sua profissão. Dentre as regras estão: estar em dia com a Carteira Nacional de Habilitação e ter a liberação da prefeitura, que pode fazer exigências diferentes de acordo com cada cidade.

Eu diria que uma das primeiras coisas que quem quer exercer a profissão precisa fazer é buscar informações na prefeitura da sua cidade para só então se preocupar com o carro que utilizará para prestar o serviço e o ponto onde atuará para receber os clientes.

Remuneração do taxista

Nesta profissão fica difícil falar em média salarial do taxista, já que na maioria das vezes eles trabalham por conta própria ou para outros taxistas donos dos alvarás cedidos pela prefeitura, sendo que quanto mais trabalharem por dia, mais ganharão no final do mês.

Porém é possível dizer que se um taxista trabalha em lugares movimentados, como aeroportos e hotéis, o salário do taxista chega a ser grande. O problema é que esses lugares são muito concorridos por todos os taxistas e muitas vezes os taxistas ficam em filas enormes.

Outro fator que ajuda na remuneração dos taxistas são as parcerias, no qual os taxistas que tem bons contatos são indicados por restaurantes, hotéis e outros estabelecimentos.

Profissionais que atendem bem seus clientes também são chamados pelos clientes fiéis e aumentam significativamente seus ganhos no fim do mês.

Taxista
Taxista

Minha experiência com taxista

Eu já tive diversas experiências com taxistas. Peguei taxistas bons, taxistas ruins e taxistas péssimos. Vou citar exemplos que tive em duas viagens no Rio de Janeiro.

A primeira viagem que fui ao Rio de Janeiro tive experiências muito ruins com os taxistas que peguei, no qual eles viram que eu era turista de fora e queriam cobrar mais cara a corrida do que se fosse de um morador da própria cidade. Outro que quando peguei um trajeto mais curto, ficou bravo e começou a acelerar porque deixou de pegar uma corrida que ganharia mais e teria que voltar para o fim da fila do seu ponto. Ainda de outro taxista que quis passar por caminhos mais longos pelo fato de eu não conhecer a cidade. Inclusive fiz um post contando sobre os cuidados com truques pega turistas no Rio de Janeiro citando esses exemplos.

Na segunda viagem ao Rio para conhecer o Rock in Rio, as experiências foram melhores. Peguei taxistas que prestaram bem o serviço e fizeram inclusive o serviço de guia de viagem. Nos mostraram os pontos turísticos e indicaram os lugares onde moravam alguns artistas na cidade. Foi uma experiência que me mostrou que há salvação na prestação de serviço de táxi para o Rio de Janeiro, já que a primeira experiência havia sido tão ruim. Eu guardei o contato dele para as próximas viagens que fizer ao Rio.

Enfim, o fato é que você tem de ter alguma sorte para pegar os taxistas. Se você quer ser taxista, aprenda com os fatos acima para prestar melhor seu serviço.

Finalizando

A profissão de taxista vem mudando nos últimos tempos, com o caso do uso de aplicativos de táxi para chamada de taxistas ou então do uso de serviços alternativos como os serviços do Uber.

O fato é que ainda é uma profissão de suma importância para o setor do turismo e eles fazem a diferença nas viagens dos turistas quando prestam um bom atendimento.

E você, já teve experiências com taxistas? Tem histórias para contar? Pensa em trabalhar como taxista? Deixe seu comentário aqui no blog! É sempre bom poder trocar experiências.

Abraço e até o próximo post!

Sua viagem começa aqui!

Reserve sua hospedagem em qualquer lugar do mundo de maneira rápida e segura, com opção de cancelamento gratuito e sem pagamento antecipado!

Precisa alugar um carro? Na RentCars a cobrança é feita em reais, sem IOF e em até 12x sem juros no cartão ou com 5% de desconto no boleto.

Se quiser viajar para o paraíso, o Zarpo tem os melhores pacotes de viagem.

E não esqueça do seguro viagem. Na Real seguro viagem o pagamento pode ser em até 6x sem juros no cartão ou com desconto de 5% no boleto.

Ao reservar com um parceiro através dos nossos links recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a se manter sempre atualizado com novas dicas de viagem. Obrigado! =)

Conteúdo relacionado

Thiago Cesar Busarello

Thiago Busarello é autor e criador do Vida de Turista, no qual adora viajar e falar do assunto de turismo e viagens, compartilhando dicas e informações de viagens com os leitores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *