Agente de viagens – Profissão turismo

Continuando nossa série de posts sobre a profissão turismo, vamos falar hoje sobre a profissão de agente de viagens. Já tivemos a oportunidade de falar um pouco sobre o que faz o agente de viagens e quando chamar um agente de viagens nesse post. Agora chegou a hora de explorar um pouco mais as características da profissão agente.

O agente de viagens é o profissional que atende o turista para a montagem de pacotes de viagem personalizados, para a emissão de passagens e para a reserva de hotéis e passeios para seus clientes. Ele utiliza de todo seu conhecimento e parcerias com os fornecedores para propor as melhores opções de passeio para seu cliente.

O agente de viagem pode trabalhar dentro de uma agência de viagens ou de forma independente. Quando trabalha dentro de uma agência de viagens pode também ser chamado de operador de viagem, atendente de viagem ou recepcionista de agência. Todos eles fazem a venda de pacotes para seus clientes.

Quando trabalha de forma autônoma, o agente de viagens tem total autonomia sobre o seu trabalho, montando pacotes de acordo com seu conhecimento e experiência. Quando trabalha em agência, a autonomia pode ficar limitada a vender os pacotes somente da agência que tem acordos com os fornecedores para vender aqueles pacotes. Ou então por serem intimados a vender passagens aéreas de cias específicas para atingir metas de vendas que existem dentro das próprias agências. Nesse caso, ele poderá vender pacotes mais caros ou menos interessantes para os turistas e vale o recado para os turistas ficarem atentos a esse movimento.

Agente de viagens
Agente de viagens

Remuneração do agente de viagens

O agente de viagens quando trabalha de forma independente tem remuneração salarial de acordo com suas vendas. Ele ganha comissão das cias aéreas através das passagens, comissão dos hotéis e pousadas na reserva de quartos, comissão na venda de passeios e ingressos de parques, assim como ganha outros tipos de comissão na venda de pacotes turísticos. O agente de viagens independente também pode cobrar uma taxa pela prestação do serviço indiferente a comissão, uma prática que vem se mostrando cada vez mais recorrente dada a diminuição das comissões dos fornecedores.

Quando o agente de viagens de viagens trabalha dentro de agência, muitas vezes ele vem com salário fixo e tem remuneração variada de acordo com o atingimento de metas, tal qual como se fosse um vendedor de lojas.

Os salários médios iniciam geralmente na faixa de R$ 1.000,00 e vão aumentando de acordo com o nível e experiência do profissional, de acordo com o grau de formação, de acordo com o aumento de responsabilidades na função, assim como de acordo com o número de parcerias próprias com fornecedores.

Um exemplo é uma vaga para agente de viagem que a Enterprise RH nos indicou e que oferece salários que vão de R$ 2.070,00 para Nível Júnior e chegam até R$ 3.500,00 para Nível Sênior. Porém é uma vaga que exige no mínimo inglês intermediário e a pessoa estar formada ou cursando hotelaria, turismo ou eventos. A vaga é para trabalhar na Vila Olímpia em São Paulo. Se você tiver interesse, a vaga ainda está aberta e você pode se candidatar mandando um e-mail para [email protected]com.br.

 

Uma parte bacana da profissão agente de viagens é que ele muitas vezes é convidado pelos hotéis e resorts para conhecer seus estabelecimentos e ter mais propriedade na hora da venda. Então não é incomum ver agentes de viagem viajando de graça para dentro e fora do país. Muitas dos prêmios por metas atingidas também são viagens para os lugares turísticos, o que aumenta a empolgação e disposição de vendas do agente para quem fornece premiações.

Carreira do agente de viagens

Existe uma carreira bem definida a ser trilhada pelo agente de viagens que trabalha em grandes agências de viagem caso queira seguir carreira na função:

  • Assistente de agência de turismo
  • Agente de agência de turismo
  • Analista de agência de turismo
  • Supervisor de agência de turismo
  • Gerente de agência de turismo

Para começar na carreira de agente de viagens, o mais indicado é começar fazendo um curso de capacitação profissional que pode ser feito através de cursos técnicos profissionalizantes ou através de uma faculdade de turismo.

É importante para o agente de viagem ter bons conhecimentos de geografia, facilidade de comunicação, poder de persuasão para as vendas, flexibilidade para a montagem de várias opções de roteiros e boa memorização para guardar códigos de aeroportos para executar comandos em sistemas GDS ou conhecer o alfabeto internacional fonético.

Profissão agente de viagens
Profissão agente de viagens

Minha experiência com agente de viagens

Já tive contato com vários agentes de viagens desde que criei o blog, seja através de amigos, da consulta a viagem que fiz para Fortaleza em agências operadoras ou de quando desenvolvia sistemas para agências de viagem.

Pude notar que todos eles trabalhavam muito para atender os clientes e montar os pacotes de viagem de acordo com as necessidades dos clientes. Dificilmente um cliente tinha uma necessidade de viagem igual ao outro. Mudam as datas, mudam os acordos, mudam as restrições, muda a quantidade de pessoas, enfim, é uma verdadeira gama de informações que tem de ser administradas por eles.

Vejo que é um profissional que precisa ter uma tremenda garra e paciência, principalmente para atender turistas durante os fins de semana quando estão viajando e que precisam de auxílio e apoio durante a viagem. Literalmente o telefone não para. Mas é o deságio para quem quer trabalhar em um setor tão bacana como o setor de turismo e com a possibilidade de ter boas remunerações dependendo do seu desempenho nas vendas de viagem.

Finalizando

O agente de viagens faz parte da cadeia de profissionais do turismo que tem uma importante função na hora de vender o melhor pacote para o turista final. Apesar da pressão por metas e vendas e de certa incomodação com clientes é uma oportunidade incrível para estar em contato com o mercado de turismo e de viajar pelo mundo.

E você, tem vontade de ser agente de viagens? Já comprou pacotes de viagem com um agente? Como foi a experiência? Deixe seu comentário!

Abraço e até o próximo post!

Sua viagem começa aqui!

Reserve sua hospedagem em qualquer lugar do mundo de maneira rápida e segura, com opção de cancelamento gratuito e sem pagamento antecipado!

Precisa alugar um carro? Na RentCars a cobrança é feita em reais, sem IOF e em até 12x sem juros no cartão ou com 5% de desconto no boleto.

Se quiser viajar para o paraíso, o Zarpo tem os melhores pacotes de viagem.

E não esqueça do seguro viagem. Na Real seguro viagem o pagamento pode ser em até 6x sem juros no cartão ou com desconto de 5% no boleto.

Ao reservar com um parceiro através dos nossos links recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda o blog a se manter sempre atualizado com novas dicas de viagem. Obrigado! =)

Conteúdo relacionado

Thiago Cesar Busarello

Thiago Busarello é autor e criador do Vida de Turista, no qual adora viajar e falar do assunto de turismo e viagens, compartilhando dicas e informações de viagens com os leitores.

27 comentários em “Agente de viagens – Profissão turismo

  • 19/10/2016 em 21:45

    Tenho interesse de ser um agente de viagens acho uma profissão muito interessante nunca precisei de um agente como gosto viro meu próprio agente nas minhas viagens até pq eu gosto de fazer as reservas comprar as passagens entre outras coisas.

    Resposta
    • 24/10/2016 em 13:33

      Que bacana Alan! Se você já se vira sozinho, pode ter certeza de que está no caminho certo! Quando você entrar na profissão, a diferença é que você conhecerá detalhes mais técnicos que ficam conhecidos somente por detrás da profissão, como sistemas GDS, códigos IATA, alfabeto da aviação, siglas de aeroportos, entre outros detalhes específicos. É uma profissão apaixonante!

      Resposta
  • 30/11/2016 em 13:54

    amo a profissao relacionada ao turismo principalmente comissario de voo e agente de turismo

    Resposta
    • 18/12/2016 em 20:46

      Legal Paulo! Por sinal, você já está atuando na área? Ou só é um admirador por natureza? Abraço!

      Resposta
  • 17/12/2016 em 23:15

    Oi Thiago,tudo bem?
    Sou formada em administração e finanças e tenho emprego fixo. Sempre tive interesse em ser autônoma, ainda mais agora com as facilidades de formalização. Gostaria de iniciar um trabalho no qual eu pudesse dedicar parte do meu tempo sem me desvincular (inicialmente) do atual emprego. Encontrei alguns sites de franquia de agências de viagens que oferecem a opção home office (interessante pra mim pelo baixo investimento, promessa de flexibilidade além da afinidade (sempre gostei de viajar, apesar das poucas oportunidades e planejo tudo sozinha, adoro geografia, cultura, línguas, tenho experiência em vendas e habilidade com procedimentos burocráticos). Pensei numa franquia pelo suporte, treinamento e aprendizagem, mas queria mesmo um home office particular, com as devidas exigências legais e capacitações necessárias. O que você recomendaria?

    Resposta
    • 18/12/2016 em 20:52

      Olá Jessica, realmente você tem todas as qualificações e aptidões necessárias para entrar em um investimento por conta própria.

      Eu mesmo aqui no blog, já pensei algumas vezes em largar o emprego atual para me dedicar exclusivamente a ele. Confesso que bate aquele frio na barriga e por isso até hoje nunca me dediquei de forma exclusiva e continuo tocando o blog de forma paralela ao meu emprego principal.

      No seu caso, eu começaria com a franquia, para utilizar da experiência de quem já deu certo, pelo suporte, treinamento, sistemas de venda de passagens, sistema de controle das vendas e o apoio necessário.

      Depois, mais para a frente, com o aprendizado e experiência adquirida, eu me aventuraria de forma autônoma e sozinha.

      Espero ter ajudado.
      Abraço e boa sorte na escolha!

      Resposta
  • 06/02/2017 em 19:20

    Boa noite!

    Tenho 39 anos, sou Administrador de Empresas, com 2º Grau Técnico em Contabilidade, fiz curso de Guia de Turismo e de Agente de Viagens. Pretendo cursar o Bacharelado em Turismo, para ter o know-how necessário no segmento.

    Pesquiso destinos, passagens aéreas, meios de hospedagem e restaurantes, com desenvoltura. Elaboro roteiros forfait e organizo passeios. Porém nunca atuei, oficialmente, na área. Apesar disso, acabo de me tornar MEI, com intuito de ser independente (criando roteiros personalizados). No entanto, tenho dúvidas quanto às parcerias com cias áereas, hotéis, restaurantes etc. Infelizmente, o curso não me atendeu neste sentido.

    Qual a sua dica, para alguém com meu perfil?

    Obrigado!

    Resposta
    • 15/02/2017 em 21:09

      Olá Cristiano, ter contato com as cias aéreas e grandes redes hoteleiras é muito complicado mesmo. Nesse caso, a minha sugestão é você fazer parceria com outras agências maiores que compram em grande volume vendendo passagens a um custo inferior para agências menores. Uma sugestão é procurar por agências de viagens consolidadoras (como ITS, FlyTour e Kontik) e também as grandes operadoras (como CVC e Agaxtur). Espero ter ajudado. Abraço!

      Resposta
  • 25/02/2017 em 22:16

    Olá! Tenho 60 anos, já trabalho como Guia de Turismo a 24 anos em Mato Grosso. Devido o avançar da idade e por tombos de cavalo…rsrs, estou um pouco mais devagar, claro. Comecei o Curso de Agente de Turismo em uma escola em Cuiabá. Disseram que o curso irá durar 10 meses e que eu terei certificados com garantias das instituições na área que estou cursando. Você acha que isso me dará Know-how para trabalhar com essa profissão. Ainda estou “engatinhando” nas noções básicas de “Atendimento ao Cliente”… Gratidão se puder me dar alguma informação ou sugestão a mais, para que eu continue e consiga o meu objetivo, que quero muito!

    Resposta
    • 15/03/2017 em 23:18

      Legal Julia, um profissional certificado é sempre mais valorizado e respeitado, além de aumentar muito a sua experiência. Parabéns pela iniciativa e continue em frente que com certeza você vai alcançar os seus objetivos. Abraço!

      Resposta
  • 02/05/2017 em 17:07

    Olá,
    Você indicaria fazer um curso livre de agente de turismo/viagem ou já partir para graduação em Turismo?
    Att

    Resposta
    • 08/05/2017 em 22:25

      Olá Daniela, tudo bom? Para quem está em dúvida, sugiro começar fazendo um curso livre, de pelo menos 1 ano e então se gostar do curso e da atividade partir para a graduação. Abraço!

      Resposta
  • 10/07/2017 em 22:45

    Olá! Eu me cadastrando no MEI como Agente de viagens, poderei comprar um automóvel para transporte de passageiros dentro do Estado do Rio de Janeiro, e legalizá-los junto ao Cadastur? Ou qual a profissão dentro do MEI, ligada ao turismo, me dá essa condição? Estou elaborando um plano de negócio e o automóvel é essencial. Fico no aguardo, obrigado.

    Resposta
    • 30/07/2017 em 16:10

      Olá Lúcio, essa é uma pergunta muito específica que não vou saber responder. Minha sugestão: entrar em contato com o Sebrae da sua cidade pedindo dicas e orientações na elaboração do seu plano de negócios, contratar uma contabilidade para dar o amparo legal e fiscal, ver na prefeitura da cidade quais os requisitos e documentos para exercer essa atividade, assim como contatar um advogado de confiança para avaliar os riscos dessa atividade. Tem um certo custo envolvido e dá trabalho de correr atrás de tudo, mas dessa forma acredito que você terá coberto todos os pontos evitando maiores problemas lá na frente no exercício da profissão. Abraço!

      Resposta
    • 10/09/2017 em 09:55

      Olá Lúcio, você pode comprar o veículo e cadastrá-lo. Porém, poderá cumprir roteiros somente com um Guia de Turismo local devidamente legalizado. Se você quiser guiar seu automóvel sem um guia, fazer seus roteiros e tudo o mais, deverá fazer o curso de Guia de Turismo (Regional, Nacional, Internacional). Espero ter ajudado.

      Resposta
  • 31/07/2017 em 21:32

    Thiago, moro em Brasília, tenho interesse em fazer um curso de agente de viagens com todas as certificações necessárias, mas estou tendo dificuldade de encontrar esse tipo de curso na minha cidade. Você tem alguma sugestão de bons cursos na área, se onde eu poderia começar a procurar? Agradeço desde já. Cynthia Rocha

    Resposta
    • 06/08/2017 em 15:24

      Olá Cynthia, encontrei esse curso do SENAC-DF que pode ajudar. Também tem esse curso livre EAD do Senac que pode ajudar. Uma outra sugestão é você entrar em contato com a ABAV-DF solicitando indicação dos melhores cursos da região. Além disso, não deixe de contatar as universidades de Brasília. Espero ter ajudado. Abraço!

      Resposta
  • 10/08/2017 em 12:49

    Olá, tudo bem? Gostaria de saber qual é a média de comissão oferecida por pousadas e hotéis quando um agente fecha pacotes. Obrigada.

    Resposta
    • 26/08/2017 em 22:08

      Olá Camila, a comissão depende dos hotéis, acordos firmados, experiência do agente, volume de vendas. No geral, as comissões podem chegar até 30%. Em alguns casos existem as tarifas net que dão um valor fixo para cada venda feita, geralmente utilizada por agências corporativas. Espero ter ajudado. Abraço!

      Resposta
  • 26/08/2017 em 22:56

    Olá, Thiago! Tudo bem?
    Estou me formando em administração e sou estagiária num banco, mas meu sonho é trabalhar com turismo! Adoro montar roteiros, pesquisar sobre turismo, geografia, comprar passagens, reservar hotéis e conversar com turistas! Já mandei currículo para redes hoteleiras, companhias aéreas e agências de viagens, mas não estou obtendo retorno. Você tem alguma sugestão/indicação para me dar?
    Obrigada!
    Abraço!

    Resposta
    • 27/08/2017 em 20:32

      Olá Juliana, tudo bom? De que forma você enviou seu currículo? Foi somente por e-mail ou chegasse a ir até um dos lugares e entregar o currículo pessoalmente? Você por um acaso tem algum amigo, ou quem sabe amigo do amigo que trabalha em um desses lugares para conversar com ele e pedir indicação? Você tem algum curso focado em turismo para colocar no currículo e agregar valor para a empresa que está recrutando? Você já procurou alguma empresa especialista em recrutamento para oferecer seus serviços quando surgir oportunidades em empresas do turismo? Ter respostas positivas para essas perguntas vai ajudar bastante a conseguir essa tão sonhada vaga. Espero ter ajudado. Abraço e boa sorte!

      Resposta
  • 13/09/2017 em 14:28

    Boa Tarde, atuo na área de educação, sou formada em história, geografia e trabalho em gestão escolar. Pretendo me aposentar em cinco anos e posteriormente trabalhar como agente de viagens autônoma. Gostaria de fazer um curso de formação, de preferência presencial. Você poderia me indicar alguma instituição que oferece o curso de formação de agente de viagens?

    Obrigada, Carmen

    Resposta
    • 17/09/2017 em 20:04

      Olá Carmen, você acabou não indicando a cidade onde você mora, mas como você pretende fazer o curso de forma presencial, eu recomendo você procurar uma instituição mais próxima de você. Outra dica é procurar a ABAV do seu estado, já que na associação eles também oferecem ou indicam cursos de capacitação para os agentes de viagem. Abraço!

      Resposta
  • 22/09/2017 em 11:28

    Thiago, bom dia!
    Sou formada em gestão e produção de eventos e também em direito. Deixei a carreira de eventos de lado por alguns anos e estou pensando em voltar, mas gostaria de focar em vendas de pacotes para festas de grande nome. Não quero apenas vender os ingressos, gostaria de vender todo o pacote, passagens e hospedagem. Ainda tenho meu CNPJ (MEI) aberto, poderia me informar como eu conseguiria fazer parceria com empresas como ITS, FlyTour e Kontik? Teria alguma outra para indicar? Pois para oferecer esse serviço os meus valores precisam ser competitivos com os de mercado e desses sites de pesquisa.

    Resposta
    • 01/10/2017 em 20:47

      Oi Maria, enviei um e-mail para você te indicando uma opção de parceria. Torço para que dê certo. Abraço!

      Resposta
  • 17/10/2017 em 12:32

    Boa tarde Thiago, me chamo Adriano, moro em uma cidade pequena em torno de 13.000 habitantes, comecei a trabalhar com turismo em torno de 6 anos para complementar minha renda, hoje em dia se tornou meio de vida, cada dia que passa tento profissionalizar minhas viagens, tenho muitos clientes de cidades vizinhas que gostam do meu trabalho e consegui fidelizar essa clientela, tenho cnpj (MEI), de organização de viagens e turismo, trabalho apenas com grupos de 35 à 56 pessoas nas vezes que consigo formar grupo, ficamos em pousadas e hotéis e sempre viagens terrestre, quero ter um mix de viagens durante todo ano, não somente para grupos fechados que geralmente é no verão, mas familiar, individual etc… Vendas de cruzeiros, aéreos, hotéis etc… Te pergunto, como conseguir fazer devidas parcerias? Como se tornar um agente ou uma agência? Obrigado!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *